Como agendar 1ª dose da vacina da COVID-19 no sistema de xepa?

A vacinação contra o novo coronavírus começou em meados de janeiro. Mas, muitos dos brasileiros ainda precisam esperar até que seja disponibilizada a 1ª dose da vacina para sua idade. Porém, diversas cidades começaram a vacinar pessoas fora do grupo prioritário do Plano Nacional de Imunização com as vacinas da xepa.

Como agendar 1ª dose da vacina da COVID-19 no sistema de xepa?
Como agendar 1ª dose da vacina da COVID-19 no sistema de xepa? (Imagem: Reprodução/Jovem Pan)

Essas doses extras são usadas quando tem sobra nos frascos já abertos e que não podem ser guardados. Dessa forma, evita o desperdício do imunizante.

Hoje, são aplicadas três vacinas no país: a Coronavac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac e produzida nacionalmente pelo Instituto Butantan.

A vacina desenvolvida pelo laboratório anglo-sueco AstraZeneca, em parceria com a Universidade de Oxford, e produzida no exterior e no Brasil, pela Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz). E a vacina da Pfizer/BioNTech, importada.

Qual prazo de validade de cada vacina?

8h: é o prazo de validade dos frascos multidoses (10 doses) da Coronavac, segundo informações do governo federal

6h: é o prazo de validade dos frascos multidoses da vacina da AstraZeneca, sejam os entregues pela Índia, sejam os entregues pelo consórcio internacional Covax (ambos de 10 doses), e da vacina da Pfizer

48h: é o prazo de validade dos frascos da vacina da AstraZeneca produzidas pela Fiocruz (5 doses).

Inscrição para xepa da vacina da Covid 

A inscrição varia de acordo com a cidade em que o cidadão vai tomar a vacina. Por ordem do Ministério da Cidadania, os postos de saúde estão cadastrando o nome das pessoas que desejam fazer parte da xepa.

E ao fim do dia, quando percebem que nem todas as doses do frasco foram aplicadas, ligam para essas pessoas.

Já outras criaram até site e aplicativos para que essas possam se cadastrar e fazer a sua vacinação. Vale a pena conferir o processo diretamente no posto de saúde mais perto da sua residência. 

Vacinação

Atualmente, a vacinação chegou para aqueles que possuem comorbidades, grávidas e puérperas, idosos com mais de 60 anos, profissionais da saúde e profissionais da educação.

Veja a lista a seguir de doenças classificadas como comorbidades:

  • Diabetes mellitus;
  • Pneumopatias crônicas graves;
  • Hipertensão arterial resistente (HAR);
  • Hipertensão arterial estágio 3;
  • Hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade;
  • Insuficiência cardíaca (IC);
  • Cor-pulmonale e hipertensão pulmonar;
  • Cardiopatia hipertensiva;
  • Síndrome coronarianas;
  • Valvopatias;
  • Miocardites e Pericardiopatias;
  • Doença da aorta, dos grandes vasos e fístulas arteriovenosas;
  • Arritmias cardíacas;
  • Cardiopatias congênita no adulto;
  • Prótese valvares e dispositivos cardíacos implantados;
  • Doença cerebrovascular;
  • Doença renal crônica;
  • Imunossuprimidos;
  • Hemoglobinopatias graves;
  • Obesidade mórbida;
  • Cirrose hepática.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Como agendar 1ª dose da vacina da COVID-19 no sistema de xepa?

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA