Teve o benefício do INSS negado? Saiba como solicitar revisão da decisão

Os beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que fizeram alguma solicitação de benefíco seja de pensão por morte, aposentadoria especial, aposentadoria por tempo de contribuição, auxílio-doença e o pedido foi negado pode entrar com uma revisão da decisão para que assim possa ter chance de ser aprovada.

Teve o benefício do INSS negado? Saiba como solicitar revisão da decisão
Teve o benefício do INSS negado? Saiba como solicitar revisão da decisão(Imagem: Marcos Rocha/ FDR)

Quem pode entrar com recurso?

Podem solicitar todos os segurados do INSS, ou dependente de segurado que faleceu, e teve seu benefício negado podem colocar um recurso administrativo para reverter a decisão.

Como evitar que benefício do INSS seja negado?

Há algumas formas de evitar que seu pedido seja negado. Veja a seguir:

Resumo do pedido 

Por conta de serem muitas solicitações, se o segurado ou dependente não realizar o resumo detalhado daqueles que pretendem, afinal isso ajudará o servidor na hora de analisar o processo. 

É importante apontar o tempo de serviço, os períodos que precisam ser comprovados o valor de contribuições, assim como detalhes sobre doença ou deficiência. 

Documentação completa e em ordem

Os documentos devem ser apresentados de forma cronológica, principalmente quando se tratar de tempo de serviços com atividades especiais.

A ordem cronológica é apresentar carteira de trabalho, carnês de contribuição (Guia da Previdência Social), Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP) e outros.

Essa documentação pode prejudicar a concessão do benefício. 

Conhecer os recursos

Existem muitos recursos para se discutir a decisão da previdência, no qual quando a aposentadoria é negada existem muitas ferramentas que são colocadas à disposição do segurado para ter uma resposta de forma mais rápida ou entrar com um processo na Justiça.

Como entrar com recurso?

1º passo: no espaço “Segurado” colocar o seu nome completo;

2º passo: no espaço “Recorrente” novamente coloque o seu nome completo;

3º passo: no espaço “Endereço para correspondência” você deve colocar seu endereço, para receber qualquer informação sobre o Recurso.

4º passo: no espaço “Motivo do recurso” é preciso marcar a opção que vai se adequar ao seu caso.

5º passo: no espaço “razões do recurso” você deve colocar o motivo que seu benefício deve ser concedido, explicar o erro que o INSS cometeu.

Vale lembrar que, se o motivo for negativa é necessário marcar ao lado de “indeferimento do benefício”, além de colocar o número do benefício no espaço ao lado.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.