Emprego no paraíso? Processo seletivo oferta vagas em Fernando de Noronha

O governo do estado de Pernambuco abriu as inscrições para processo seletivo em Fernando de Noronha. São 83 vagas abertas para candidatos de níveis médio e superior com salário de R$ 1.200 a R$ 5.400. As inscrições ficam abertas até 14 de maio.

Emprego no paraíso? Processo seletivo oferta vagas em Fernando de Noronha
Emprego no paraíso? Processo seletivo oferta vagas em Fernando de Noronha (Imagem: Reprodução Só Notícia Boa)

Processo seletivo em Fernando de Noronha

Estão abertas as inscrições para o processo seletivo simplificado que visa à contratação de 83 profissionais para trabalharem em Fernando de Noronha. Desse total de vagas, 5% estão reservadas para candidatos com algum tipo de deficiência.

As vagas de emprego são para pessoas com níveis médio e superior completo. O salário varia de R$ 1.200 a R$ 5.400. O processo seletivo terá contrato de dois anos, podendo ser prorrogado pelo mesmo período e mais o acréscimo de seis meses, conforme o interesse da empresa e do funcionário.

Prazos e inscrições

As inscrições começaram no dia 5 de maio e ficam abertas até 14 de maio. Os candidatos terão duas formas de realizar a inscrição, presencialmente ou on-line

Quem optar por fazer a inscrição presencialmente, os documentos devem ser entregues na quadra da Escola Arquipélago.

Já quem optar pelo modo on-line, a inscrição é feita pelo site do Correiros e os documentos enviados pelo endereço: o Escritório de Apoio em Recife, na Avenida Rio Capibaribe, 147, 6º andar, Sala de Gestão de Pessoas, Santo Antônio, Recife – PE, CEP: 50020-080.

A documentação que deverá ser entregue são:

  •  CPF;
  • Comprovante de residência de qualquer natureza emitido em nome do candidato;
  • Cópias de todos os certificados: certidões, comprovantes e declarações a serem pontuados na avaliação curricular;
  • Laudo médico original para candidatos com deficiência.

Os candidatos serão escolhidos mediante à análise da documentação comprobatória de títulos e experiência profissional. O resultado será divulgado no dia 31 de maio de 2021 na página do Arquipélago.

Vagas de emprego disponíveis em Fernando de Noronha

Confira os cargos com vagas abertas:

  • Administração geral: 1 vaga;
  • Agente ambiental: 1 vaga;
  • Agente de apoio nutricional: 1 vaga;
  • Agente de portaria: 1 vaga;
  • Agente de serviços gerais: 4 vagas;
  • Agente em administração: 4 vagas;
  • Agente em atividades de saúde: 1 vaga;
  • Agente em manipulação documental: 1 vaga;
  • Apoio administrativo II: 4 vagas;
  • Arquiteto: 1 vaga;
  • Assistente administrativo de informática: 1 vaga;
  • Assistente de biblioteca: 2 vagas;
  • Assistente de educação infantil: 7 vagas;
  • Assistente social: 1 vaga;
  • Condutor de veículo escolar: 1 vaga;
  • Condutor de veículo: 4 vagas;
  • Coordenador de núcleo socioeducacional: 2 vagas;
  • Coordenador de núcleo de laboratório de informática: 1 vaga;
  • Coordenador pedagógico: 2 vagas;
  • Educador de disciplina: 2 vagas;
  • Enfermeiro: 2 vagas;
  • Farmacêutico bioquímico: 2 vagas;
  • Fiscal do porto: 3 vagas;
  • Fisioterapeuta: 1 vaga;
  • Jornalista: 1 vaga;
  • Obras e manutenção: 2 vagas;
  • Professor de educação física: 1 vaga;
  • Professor de educação infantil – nível médio: 4 vagas;
  • Professor de educação infantil – nível superior: 6 vagas;
  • Professor de física: 1 vaga;
  • Professor de séries iniciais do ensino fundamental – nível médio: 2 vagas;
  • Professor de séries iniciais do ensino fundamental – nível superior: 3 vagas;
  • Psicólogo: 1 vaga;
  • Técnico de apoio logístico: 1 vaga;
  • Técnico de nível superior – pedagogia: 1 vaga;
  • Técnico de nível superior – serviço social: 1 vaga;
  • Técnico em análises clínicas: 1 vaga;
  • Técnico em enfermagem: 4 vagas;
  • Técnico em georreferenciamento: 1 vaga;
  • Técnico em imobilização ortopédica: 1 vaga;
  • Técnico em radiologia: 1 vaga;
  • Terapeuta ocupacional: 1 vaga.

Mariana Castro
Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes - SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a sessão de carreiras do FDR, produzindo pautas sobre educação e emprego.