Vacina da COVID-19: Último dia para cadastrar moradores de BH de 18 a 59 anos

Cronograma de vacinação contra o novo coronavírus em BH requer inscrição de jovens a partir dos 18 anos. Na última semana, o Ministério da Saúde informou que estaria incluindo pessoas de até 59 anos na imunização da covid-19 em todo o país. A aplicação, no entanto, só será destinada para quem tiver comorbidades, exigindo uma inscrição prévia nas cidades.

Vacina da COVID-19: Último dia para cadastrar moradores de BH de 18 a 59 anos (Imagem: Reprodução/Folha Uol)
Vacina da COVID-19: Último dia para cadastrar moradores de BH de 18 a 59 anos (Imagem: Reprodução/Folha Uol)

Diversos estados brasileiros seguem na corrida para imunizar a população contra o novo coronavírus. Diante da ampliação do grupo prioritário, informada pelo governo federal nos últimos dias, os moradores de Belo Horizonte devem correr para realizarem os agendamentos de suas aplicações.

Tempo de inscrições em BH

De acordo com o cronograma emitido pela prefeitura municipal, as pessoas entre 18 e 59 anos que comprovarem suas comorbidades ou forem gestantes devem fazer o agendamento de suas vacinas até esta segunda-feira (3). O procedimento vem sendo feito pela internet, através do site da prefeitura.

Para poder marcar é preciso preencher o formulário de identificação pessoal, repassando dados como nome completo, idade, data de nascimento, e endereço. Além disso, o cidadão deve ainda apresentar os exames médicos que comprovem sua comorbidade ou gravidez.

A gestão informou que, neste momento não estará aceitando cadastros por e-mail ou telefone e que na hora da aplicação será preciso levar o comprovante da marcação. Por fim, o sujeito deverá apresentar também seus registros pessoais e médicos.

Cronograma de vacinação da covid-19 em BH

1ª etapa

A partir da quantidade de vacinas disponíveis a prefeitura estará imunizando:

  • Pessoas com Síndrome de Down, independentemente da idade;
  • Pessoas com doença renal crônica em terapia de substituição renal (diálise) independentemente da idade;
  • Gestantes e puérperas com comorbidades, independentemente da idade;
  • Pessoas com comorbidades de 55 a 59 anos;
  • Pessoas com Deficiência Permanente cadastradas no Programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC) de 55 a 59 anos.

2ª etapa

Terá como público alvo as pessoas entre Público 50 a 54 anos, 45 a 49 anos, 40 a 44 anos, 30 a 39 anos e 18 a 29 anos que comprovem:

  • Ter comorbidades;
  • Ter Deficiência Permanente e estar cadastrada no BPC;
  • Gestantes e puérperas independentemente de condições pré-existentes.

Eduarda AndradeEduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.