Grávidas e puérperas são inclusas como grupo prioritário na vacinação da COVID

Governo federal amplia grupo prioritário na campanha de vacinação contra o novo coronavírus. Nessa semana, o Ministério da Saúde informou que mulheres grávidas e puérperas passarão a entrar na fila de prioridade para imunização. A previsão é de que a medicação passe a ser ofertada já a partir de maio.

Grávidas e puérperas são inclusas como grupo prioritário na vacinação da COVID (Imagem: Divulgação/Prefeitura de Vilhena)
Grávidas e puérperas são inclusas como grupo prioritário na vacinação da COVID (Imagem: Divulgação/Prefeitura de Vilhena)

Diante da expansão contínua do novo coronavírus em todo o país, o governo federal acaba de ampliar o grupo prioritário na campanha de vacinação.

Em nota técnica concedida nessa segunda-feira (26), o ministério da saúde informou que mulheres grávidas e puérperas deverão ser vacinadas em breve.

“Considerando ainda o momento pandêmico atual no Brasil com elevada circulação do SARS-CoV-2 e aumento no número de óbitos maternos pela Covid-19, ficou entendido que, neste momento, é altamente provável que o perfil de risco verus benefício na vacinação das gestantes seja favorável. Portanto, o Programa Nacional de Imunizações […] decidiu por recomendar a vacinação contra a Covid-19 de todas as gestantes e puérperas e incluí-las nos grupos prioritários para vacinação“, diz o texto.

Cronograma de vacinação

Para organizar as filas, o governo determinou que inicialmente a vacina só será aplicada naquelas que tenham comorbidades. Já na sequência, haverá a inclusão das demais com o estado de saúde normal.

A gestão reforçou ainda que a inclusão no cronograma deverá ser feita independentemente das condições pré-existentes.

A previsão é de que a partir de maio cerca de 3 milhões de gestantes passem a ser imunizadas. As doses serão das vacinas CoronaVac e AstraZeneca.

Chamada nos estados e municípios

É importante ressaltar, no entanto, que a determinação do governo federal não implica em um cronograma igualitário em todo o país. Cada estado e município tem a liberdade de administrar seu calendário de vacinação.

De modo geral, as gestantes deverão passar a ser inclusas como prioridade, mas a data exata da aplicação vai depender do andamento dos demais grupos prioritários e da quantidade de vacinas estocadas em cada cidade.

Para acompanhar o cronograma específico da sua região, entre em contato com a prefeitura municipal e permaneça acompanhando nossa página do FDR. Diariamente estamos atualizando a agenda de vacinação em todo o país.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA