Governo de Goiás libera lista com aprovados na CNH Social 2021

Na última terça-feira, 23, foi divulgado pelo Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO), a lista com aprovados na CNH Social 2021. O Governo do Estado de Goiás aprovou cerca de 3 mil inscrições no programa social que dispõe sobre a aquisição, mudança ou adição de categoria na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) sem nenhum custo. 

Governo de Goiás libera lista com aprovados na CNH Social 2021
Governo de Goiás libera lista com aprovados na CNH Social 2021. (Imagem: Reprodução/Google)

Os selecionados devem realizar a matrícula online pelo site do Detran até o dia 7 de abril. Esta etapa requer o fornecimento presencial de uma série de documentos na unidade do Detran-GO, Ciretrans ou Vapt Vupt que estiver situada o mais próximo de cada selecionado.

No entanto, será preciso fazer um agendamento prévio pela internet respeitando o prazo máximo de 30 dias, contados desde a última terça-feira, 23. 

O órgão ainda declarou que em edições anteriores da CNH Social, o prazo para o selecionado apresentar os documentos era de apenas 15 dias.

A ampliação promovida este ano é decorrente do decreto estadual que estabelece o revezamento de atividades não essenciais no intuito de evitar a proliferação da Covid-19.

Vale ressaltar que o descumprimento do prazo é capaz de desclassificar o candidato. 

Por outro lado, todos os selecionados serão isentos de taxas atribuídas ao processo de aquisição da CNH Social.

É o caso da taxa de inclusão do Registro Nacional de Carteira de Habilitação (Renach), Licença de Aprendizagem de Direção Veicular, agendamento da provas teórica e prática, exames médico e psicológico, bem como as provas teóricas e práticas.

Além do mais, o candidato selecionado também é contemplado com três meses para refazer os testes gratuitamente, se necessário. 

Na oportunidade, o Detran-GO contou que o projeto CNH Social do Estado de Goiás recebeu, aproximadamente, 42 mil inscrições. Entre as categorias disponíveis, a mais procurada foi a Urbana, com 35.873 inscritos. Em segundo lugar ficou a Estudantil, com 3.758.

E por último, a Rural, com 2.326 cadastros. Lembrando que as vagas remanescentes serão anunciadas durante a segunda chamada do projeto, que deve acontecer no dia 30 de abril, terça-feira.

Veja a seguir, os requisitos necessários para integrar cada uma das categorias da CNH Social:

  • Modalidade estudantil: os estudantes devem ter entre 18 e 25 anos, estar com cadastro ativo no CadÚnico, ter cursado e concluído o ensino médio na rede pública estadual. Para esta modalidade, um dos critérios de desempate será a nota média apurada pela Secretaria de Educação do Estado de Goiás;
  • Modalidade urbana: é preciso saber ler e escrever, ser inscrito no CadÚnico e morar na cidade;
  • Modalidade rural: é preciso morar na zona rural, estar inscrito no CadÚnico e saber ler e escrever;

Além do mais, no que compete aos critérios técnicos determinados pelo edital de inscrições, a prioridade é direcionada aos candidatos com menor renda per capita familiar, maior número de componentes do grupo familiar, recebimento do Renda Família, bem como, data e hora da inscrição. 

Laura AlvarengaLaura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR