Detran promete 8 mil vagas para CNH Social no Espírito Santo em 2021

O Detran-ES (Departamento Estadual de Trânsito), informou que em 2021, serão oferecidas 8 mil vagas para o programa CNH Social. O programa que foi relançado em 2017, é voltado para pessoas de baixa renda no Espirito Santo. 

Detran promete 8 mil vagas para CNH Social no Espírito Santo em 2021
Detran promete 8 mil vagas para CNH Social no Espírito Santo em 2021 (Imagem Google)

O programa CNH Social é responsável por formar novos motoristas e sensibilizar os participantes sobre a importância da proteção da vida no trânsito.

O diretor-geral do órgão, Givaldo Vieira, diz que desde o relançamento do programa, o governador do Estado, Renato Casagrande, comunicou que seriam ofertadas 25 mil vagas, distribuídas ao longo dos anos. 

Em 2019 foram 5 mil vagas para o CNH Social, já em 2020 a quantidade subiu para 7 mil. Neste ano serão 8 mil vagas e por fim, em 2022, é estimado que sejam ofertadas mais 5 mil vagas.

Vieira disse que ainda não foram definidas as datas oficiais para este ano.

“O programa anual é dividido em fases. A primeira fase será lançada nos próximos dias, estamos só aguardando a agenda do governador, mas preparados para fazer a abertura neste início do ano. A segunda fase é prevista para o meio do ano e a terceira para o fim do ano. A quantidade de vagas se dilui ao longo do ano porque as clínicas não dariam conta de processar tanta informação de uma só vez, a procura é muito grande”, explicou.

Com relação aos requisitos para participar do CNH Social, o diretor disse que nada muda. Os interessados devem apresentar o Cadastro Único do governo federal. Os critérios de seleção consideram também a renda e a quantidade de membros da família.

Vieira ressalta que não adianta se dirigir ao Cras agora para entrar no Cadastro Único, pois o Detran recebe a documentação com atraso. Os dados utilizados para seleção serão os de fevereiro. As inscrições para o programa são realizadas através do site do Detran.

Seleção para o CNH Social 

O diretor explica que ao ser selecionado pelo programa, o candidato deve se dirigir a um Centro de Formação de Condutores (CFC). 

“O próprio sistema do Detran distribui o eleito ao mais próximo da moradia, de forma igualitária entre os participantes. Este interessado terá 15 dias para ir ao CFC iniciar o processo, depois 15 dias para ir ao Detran colher biometria e mais 15 dias para fazer os exames médicos. Se deixar de cumprir prazos, o candidato é excluído e é chamado o próximo da lista de espera”, explicou Vieira.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA