Contrate linha de crédito para micro e pequenas empresas oferecida em Pernambuco

O governo de Pernambuco anunciou a oferta de uma linha de crédito para micro e pequenas empresas. Desde segunda-feira (15), os interessados já podem solicitar empréstimo de até R$ 50 mil. A linha de crédito está disponível para empresas com faturamento atual de até R$ 4,8 milhões.

Contrate linha de crédito para micro e pequenas empresas oferecida em Pernambuco
Contrate linha de crédito para micro e pequenas empresas oferecida em Pernambuco (Imagem: RODNAE Productions/Pexels)

A linha de crédito emergencial no Pernambuco será destinada às micro e pequenas empresas que tiveram as atividades prejudicadas pelos efeitos da pandemia de covid-19. Os empréstimos terão limite de R$ 50 mil por empresa.

O parcelamento poderá ser em até 30 meses, com prazo máximo de seis meses de carência para começar a pagar. O estado investirá R$ 10 milhões nessa linha crédito, por meio da Agência de Empreendedorismo de Pernambuco (AGE).

Em entrevista à Globo, o gestor da Agência de Empreendedorismo de Pernambuco, Márcio Stefanni, afirmou que o valor total será usado para ajudar cerca de 200 empresas impactadas pela pandemia.

Esta linha de crédito contará com taxa de juros de 2,5% ao mês, mas as empresas que pagarem em dia terão 50% de desconto.

Como realizar o pré-cadastro da linha de crédito para micro e pequenas empresas em Pernambuco

Para realizar o pré-cadastro, os empreendedores e empresários interessados em obter a linha de crédito devem acessar o site da Agência de Empreendedorismo de Pernambuco. Com isso, a agência deve entrar em contato com a pessoa para solicitar os documentos obrigatórios.

Durante o processo de pré-cadastro, será necessário informar como a empresa foi impactada pela pandemia. Além disso, será preciso indicar que garantias têm a oferecer.

O interessado em tomar o crédito pode ofertar um automóvel, equipamentos da empresa, desde que tenha até cinco anos de sua compra, conforme explicado por Stefanni. Com a entrega dos documentos solicitados, o governo terá até 30 dias para liberar o pagamento.

Vale destacar que o valor poderá ser usado para pagamento de salários, fornecedores, concessionais — seja a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) ou a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). O empresário terá liberdade para escolher onde aplicar a quantia.

Não haverá cobrança de certidões de regularidades nesse momento. No entanto, a empresa será analisada pelo histórico de pagamentos anteriores e a relação com a pandemia. Em caso de dúvidas, o governo disponibiliza o telefone gratuito 0800 081 8081.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.