Lockdown em Pernambuco: O que abre e fecha durante fase mais rígida?

Governo de Pernambuco decreta novo período de lockdown em todo o estado. Devido ao crescimento no número de contaminação pela covid-19, o governador Paulo Câmara informou que adotará medidas de restrição mais rígidas nos municípios. O isolamento restrito passará a funcionar a partir desta quinta-feira (18), fechando uma série de servidos. Acompanhe.

Lockdown em Pernambuco: O que abre e fecha durante fase mais rígida? (Imagem: Google)
Lockdown em Pernambuco: O que abre e fecha durante fase mais rígida? (Imagem: Google)

Enquanto o Brasil vivencia o segundo pico da covid-19, os governadores estaduais estão aderindo a medidas que tenham como finalidade reduzir os índices de contágio da doença. Em Pernambuco um novo lockdown está prestes a começar e deverá perdurar até o próximo dia 28.

A decisão foi anunciada por Paulo Câmara, nessa segunda-feira (15), logo após o estado viver um período com o toque de recolher. Ao longo dos próximos 11 dias serão permitidos apenas o funcionamento das atividades consideradas essenciais, sob o risco de multas para quem descumprir o decreto.

“O número de casos e de mortes continuam subindo. A pressão sobre o sistema de saúde também. A mais grave penalização é perder vidas e a nossa maior missão é protegê-las. Adotamos novas medidas sociais e econômicas, buscando reduzir o impacto da pandemia, mesmo diante de uma crise que também atinge o governo”, afirmou Câmara.

“Não se pode medir esforços quando se luta pela vida. Queremos fazer o Estado e o país voltarem à normalidade. Não há mais alternativas neste momento. Estamos em um novo pico da crise, em ameaça crescente. É preciso reverter essa tendência para proteger cada vida e vencer”, completou o governador.

O que está proibido de funcionar em Pernambuco

  • serviços de bares e restaurantes;
  • shoppings e galerias comerciais;
  • óticas;
  • salas de cinema e teatros;
  • academias;
  • salão de beleza e similares;
  • comércio varejista de vestuário, calçados, eletroeletrônicos e linha branca, cama, mesa e banho e produtos de armarinho;
  • escolas e universidades (públicas e privadas);
  • clubes sociais, esportivos e agremiações;
  • práticas e competições esportivas; praias, parques e praças;
  • ciclofaixas de lazer, eventos culturais e de lazer, além dos sociais.

O que permanecerá aberto:

  • supermercados;
  • padarias;
  • farmácias;
  • postos de combustíveis;
  • petshop;
  • clínicas, ambulatórios e similares;
  • bancos e lotéricas;
  • transporte público;
  • indústrias, atacado e termoelétricas;
  • construção civil; material de construção;
  • materiais e equipamentos de informática;
  • lojas de materiais e equipamentos agrícolas, oficinas e assistências técnicas e lojas de veículos.

De acordo com o último balanço liberado, o estado contabilizou 317.528 casos da covid-19, com 11.383 mortes.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.