Valor de remédios terá reajuste de 4,88% após liberação do governo

Uma publicação no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira, 15, informou sobre a decisão da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED) que dispõe sobre o valor de remédios com um reajuste na margem de 4,88%

publicidade
Valor de remédios terá reajuste de 4,88% após liberação do governo
Valor de remédios terá reajuste de 4,88% após liberação do governo (Imagem: Google)

O aumento já está em vigor desde a publicação em veículo de imprensa oficial, o qual ocorreu 15 dias antes da data regular com previsão para o dia 31 de março, e pode ser aplicado pela indústria farmacêutica. 

Vale ressaltar que ainda não houve uma explicação sobre o motivo da antecipação. Lembrando que no ano de 2020, o presidente Jair Messias Bolsonaro, fez um comunicado sobre um acordo firmado junto à indústria farmacêutica.

publicidade

Na época, o sentido era de que o reajuste anual proveniente de todos os medicamentos pudesse ser adiado em até 60 dias, devido a crise econômica causa pela pandemia da Covid-19. 

No mês de junho do ano passado, a CMED autorizou o reajuste dos preços em 5,21%, ou seja, um aumento de 0,33% em comparação com a deliberação atual. Conforme apurado, esta medida atinge cerca de 19 mil medicamentos disponíveis no mercado varejista brasileiro atualmente. 

A decisão foi tomada na última sexta-feira, 12, pelo Comitê Técnico-Executivo da CMED, vinculado diretamente com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Ressaltando que o Governo Federal tem controle quase que absoluto sobre os reajustes periódicos dos preços de medicamentos, determinando uma margem máxima de aumento que os respectivos produtos podem atingir no mercado brasileiro.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.