Bolsa Permanência do Prouni: Quem vai receber? Qual valor? Tire suas dúvidas

Desde o dia 3 de fevereiro, o Ministério da Educação (MEC) começou a fazer o pagamento do benefício do Programa Bolsa Permanência do Prouni (PBP-Prouni), referente ao mês de janeiro.

Bolsa Permanência do Prouni: Quem vai receber? Qual valor? Tire suas dúvidas
Bolsa Permanência do Prouni: Quem vai receber? Qual valor? Tire suas dúvidas (Imagem: Google)

Segundo o ministério, serão pagos mais de R$3,4 milhões a cerca de 8.546 estudantes que estão cursando graduação com bolsa integral do Programa Universidade para Todos. E que atendem aos critérios do PBP-Prouni.

Cada um dos estudantes vai receber o auxílio no valor de R$400 por mês, para ser usado nas despesas com a universidade como alimentação, transporte e material didático.

PBP- Prouni

O PBP-Prouni é um dos programas de assistência estudantil e promoção da permanência no ensino superior da Secretaria de Educação Superior do MEC.

Ao ter acesso a essa bolsa do Prouni, no qual a exigência de renda é de cerca de um salário mínimo e meio por família.

O estudante que estiver matriculado em um curso presencial, que tenha ao menos seis semestres e carga horária média igual ou superior a seis horas de aula, pode requerer o auxílio.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
OPORTUNIDADE
imagem do cartão
Você foi selecionado para ter um cartão de crédito, sem anuidade hoje mesmo.
Faça sua aplicação!
277 pessoas solicitando no momento...

A seleção é feita mensalmente, no primeiro dia de cada mês, na instituição de ensino no qual o estudante está matriculado. 

O pagamento do auxílio é creditado, de forma exclusiva em conta-corrente bancária individual do estudante, no qual o número de inscrição no Cadastro de Pessoa Física seja igual ao constante no Sistema Informatizado do Prouni (Sisprouni).

O que é Prouni?

O programa foi criado em 2004 com a intenção de incluir os estudantes que não conseguem pagar a faculdade. Sendo assim, são selecionados estudantes para bolsas parciais e integrais em universidades particulares. 

As bolsas podem ser de 50% ou de 100%, mas para isso é necessário que o estudantes esteja encaixado nos requisitos.

Neste ano de 2021, o Programa não vai utilizar as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) mais recente, ou seja, de 2021.

Essa decisão foi tomada pelo Ministério da Educação (MEC) para que a seleção fosse realizada ainda em janeiro. 

Quem pode participar?

Para participar é necessário:

  • ter cursado o ensino médio completo na rede pública;
  • ter sido bolsista integral em escolas particulares durante todo o ensino médio;
  • ter alguma deficiência;
  • ser professor da rede pública de ensino, na educação básica.

Com exceção dos docentes, os outros candidatos não podem ter diploma do ensino superior.

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.