IPVA Amapá 2021: Passo a passo para pagar imposto com 20% de desconto

Por conta da pandemia do coronavírus, os atendimentos presenciais no Detran AP (Departamento Estadual de Trânsito) foram suspensos. Com isso, os contribuintes só podem ter acesso as guias de pagamento do IPVA 2021 (Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores) através da internet.

IPVA Amapá 2021: Passo a passo para pagar imposto com 20% de desconto
IPVA Amapá 2021: Passo a passo para pagar imposto com 20% de desconto (Imagem FDR)

A primeira parcela e também a cota única vencem no próximo dia 15. Os contribuintes que optarem pelo pagamento em cota única recebem 20% de desconto.

No boleto de cobrança o contribuinte encontra informações sobre o valor venal, a alíquota e o IPVA. A guia pode ser encontrada no site do Detran Amapá ou também através dos portais do governo estadual e da Secretaria da Fazenda (Sefaz).

Para imprimir o IPVA clique aqui.

Ao entrar no link, preencha o formulário inserindo o número do Renavam (Registro Nacional de Veículos Automotores) de seu veículo para emitir o documento. 

Ao imprimir, o contribuinte deve efetuar o pagamento em agências ou no no aplicativo de seu banco. Além do IPVA, a taxa de licenciamento obrigatória também deve ser paga. Neste ano, o seguro DPVAT não será cobrado.

Calendário IPVA AP 2021

De acordo com o calendário do IPVA 2021, o contribuinte pode efetuar o pagamento em cota única ou em até 6 vezes:

  • Taxa de licenciamento cota única ou 1ª cota: 15 de março
  • 2ª cota: 15 de abril
  • 3ª cota: 17 de maio
  • 4ª cota: 15 de junho
  • 5ª cota: 15 de julho
  • 6ª cota: 16 de agosto
  • Prazo máximo para licenciamento: 31 de agosto
  • Início da fiscalização: 1º de setembro

Para os automóveis, caminhonetes, e embarcações recreativas ou esportivas e aeronaves não destinadas à atividade comercial, a alíquota do IPVA é de 3% sobre o preço do automóvel.

Já no caso dos ônibus, caminhões, micro-ônibus, motocicletas, ciclomotores, motonetas, quadriciclos e triciclos, a alíquota é de 1,5%.

Finalidade do IPVA

20% do valor arrecadado pelo tributo é remetido para o Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) e o restante é dividido em 50% para o estado, e a outra parte fica para o município de registro do veículo.

A quota-parte estadual compõe o orçamento do ano e, sendo assim, é direcionada para as várias áreas de atuação do estado, como a saúde, educação, segurança pública e infraestrutura.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.