Vacinação da COVID-19 será suspensa no Rio de Janeiro por falta de matéria

Cronograma de vacinação contra o novo coronavírus é interrompido no Rio de Janeiro. Nessa semana, o prefeito Eduardo Paes (DEM) informou que, partir dessa quarta-feira (17), os profissionais de saúde deverão parar de aplicar as vacinas na população. O motivo da suspensão foi a falta de insumos e distribuição de novas doses. Entenda como fica o calendário.

publicidade
Vacinação da COVID-19 será suspensa no Rio de Janeiro por falta de matéria (Imagem: Google)
Vacinação da COVID-19 será suspensa no Rio de Janeiro por falta de matéria (Imagem: Google)

Para os idosos e profissionais de saúde que estavam nas filas de vacinação contra o novo coronavírus no Rio de Janeiro as notícias não são positivas. Devido a falta de novas doses do medicamento, a campanha ficará suspensa ao longo dos próximos dias.

De acordo com o prefeito, o governo federal deverá enviar novas doses da CoronaVac, concedida pelo Instituto Butantan. A previsão é de que o lote chegue na próxima segunda-feira (22) e a partir de então o calendário volte a ser aplicado.

publicidade

“Recebi a notícia de que não chegaram novas doses. Teremos que interromper amanhã a nossa campanha. Hoje vacinamos pessoas de 84 anos e amanhã de 83. Estamos prontos e já vacinamos 244.852. Só precisamos que a vacina chegue. Nova leva deve chegar do Butantan na próxima semana”, afirmou Eduardo Paes em seu perfil nas redes sociais.

“Havia a expectativa de chegada de mais doses, isso não aconteceu, quando o secretário de Saúde informou isso pela manhã eu já fiz a comunicação de que teríamos que suspender na quarta-feira. E há uma expectativa de entrega de doses por parte do Butantan na semana que vem. Assim que as doses chegarem, a gente retoma. A gente quer acelerar isso”, completou Paes.

Reajustes no calendário oficial de vacinação da COVID-19

Diante da paralisação, o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz afirmou que o calendário deverá ser atrasado. Isso implica dizer que quem estava com a vacinação prevista para essa semana, deve ser remarcado para a seguinte e assim por diante.

“Infelizmente, a gente vai ter que interromper o calendário, voltar para o calendário original, porque a gente antecipou uma semana o calendário no Rio”, disse Soranz.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Quando a vacinação for retomada a prioridade permanecerá sendo concedida para idosos com mais de 60 anos, garantiu o gestor.

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!