Concurso da Receita Federal 2021 prevê 1,3 MIL vagas para administração

A Receita Federal já encaminhou pedido para autorização de concurso público para o suprimento de vagas, principalmente da área administrativa. A solicitação contempla 1.310 vagas distribuídas em diversos cargos de nível médio e superior.

Concurso da Receita Federal 2021 prevê 1,3 MIL vagas para administração
Concurso da Receita Federal 2021 prevê 1,3 MIL vagas para administração. (Imagem: Reprodução Google)

As áreas tributária e aduaneira também estão com demanda de pessoal. A autorização depende de condições orçamentárias e de planejamento e ainda não há previsão para ser publicada no Diário Oficial, pois precisa da assinatura do ministro da Economia, Paulo Guedes.

Detalhes do possível concurso da Receita

Para nível médio, estão previstas 1 mil vagas para o cargo de assistente técnico-administrativo, com remuneração mensal de R$ 4.137,97, com auxílio-alimentação incluso.

Para nível superior, serão 310 vagas, divididas em quatro funções. As jornadas são de 40 horas semanais para todas as carreiras.

Para arquiteto, estão previstas quatro vagas e a remuneração é de R$ 6.700,41. Para engenheiro, são 16 vagas e o salário é o mesmo, assim como para contador, com 20 oportunidades. Para o cargo de analista técnico administrativo são 270 vagas e o salário é de R$ 5.490.

A Receita já enviou uma solicitação de autorização de concurso público para provimento de cargos efetivos à Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal (SGP) do Ministério da Economia em 2020. O objetivo é suprir o déficit de servidores ocorrido dos últimos anos em decorrência de vacância.

O último edital de concurso do órgão para foi publicado em 2014, para a área de apoio. Na época, foram ofertadas 1.026 vagas para assistente técnico-administrativo, sendo 960 para ampla concorrência e 66 reservadas às pessoas com deficiência. A carreira exige o nível médio. A taxa de inscrição foi de R$ 62.

De acordo com o Governo Federal, o déficit de pessoal na Receita já ultrapassa 22,7 mil cargos, principalmente nas funções de auditor e analista, ambas de nível superior. As carreiras têm uma média de 37% de cargos ocupados, somando as vacâncias que poderiam estar preenchidas.

Ou seja, o pedido enviado em 2020 para a equipe econômica ainda não seria capaz de suprir o déficit, pois foram solicitadas apenas 3.360 vagas.

Geralmente, os processos de seleção da Receita incluem provas objetivas e discursivas, com conteúdos gerais e específicos, principalmente do campo jurídico.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Mônica Chagas
Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do FDR.