Cuidado! Fake news espalha falso calendário de vacinação da Covid-19 em São Paulo

Falso cronograma de vacinação vem sendo anunciado em São Paulo. Nessa semana, o governo do estado emitiu um alerta sobre as datas para quem for tomar a medicação contra o novo coronavírus. Um calendário fake está sendo compartilhado na internet, alterando a organização inicial determinada pela Secretaria de Saúde.

Cuidado! Fake news espalha falso calendário de vacinação da Covid-19 em São Paulo (Imagem: Reprodução/Google)
Cuidado! Fake news espalha falso calendário de vacinação da Covid-19 em São Paulo (Imagem: Reprodução/Google)

A campanha de vacinação contra o novo coronavírus foi iniciada em todos os estados brasileiros. No entanto, devido a relevância do assunto há falsas notícias sendo compartilhadas com a finalidade de instaurar um novo caos no sistema. Em São Paulo, falsas datas bagunçam o cronograma oficial da Secretaria de Saúde.

Calendário falso de vacinação

Nos últimos dias, circula na internet uma nova tabela com datas para que a medicação seja tomada por pessoas de faixa etária entre 0 e 28 anos. Segundo o cronograma, o grupo passaria a ser vacinado ao longo das próximas semanas.

Ciente da situação, o governo estadual informou que a noticia é irreal e não condiz com os planos da gestão pública. Nesse momento, prioritariamente, a vacina só poderá ser adquirida por grupos específicos com os profissionais de saúde e idosos.

A gestão informou ainda que as datas oficiais da campanha de vacinação já firam disponibilizadas desde o mês de dezembro e não deveram ser modificadas. A decisão foi tomada com base ainda nos informes estabelecidos pelo Ministério da Saúde e deverá ser mantida.

Menores de idade não deverão ser medicados

O governador, João Dória, ressaltou ainda que nesse momento não há previsão para a vacinação dos menores de idade. Isso porque, o grupo não se encontra na zona de risco de infecção da pandemia.

De modo geral, crianças, adolescentes e adultos que não apresentem doenças crônicas deverão ser os últimos vacinados.

Pré-cadastro pode roubar dados

Ao receber as imagens com o suposto novo calendário, os cidadãos vêm sendo convidados para criar um pré-cadastro. É importante ficar atento, pois o link não está vinculado ao governo de São Paulo e pode gerar futuros problemas mediante o uso incorreto dos dados da população.

Desse modo, a secretaria de saúde reforça para que todas as informações e dúvidas sobre a campanha de vacinação sejam esclarecidas diretamente com as fontes oficiais do governo.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA