CNH Social vai abrir 5 MIL vagas para novos inscritos no Distrito Federal

Pontos-chave
  • Detran-DF oferece 5 mil vagas no CNH Social;
  • Saiba quem pode se inscrever no programa;
  • Passo a passo para realizar inscrição online.

O programa da Carteira Nacional de Habilitação gratuita (CNH Social) está oferecendo 5 mil vagas através do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF). As inscrições no programa serão realizadas de 15 de fevereiro a 16 de março de 2021.

CNH Social vai abrir 5 MIL vagas para novos inscritos no Distrito Federal
CNH Social vai abrir 5 MIL vagas para novos inscritos no Distrito Federal (Imagem: Reprodução / Google)

As vagas oferecidas foram distribuídas em dois grupos, sendo 60% para o projeto Estudante Habilitado e os 40% restantes para o Cidadão Habilitado. Ainda dentro dos 100%, houve uma nova divisão, de forma que:

  • 40% para obtenção da primeira Carteira Nacional de Habilitação (CNH) “A” ou “B”;
  • 20% para adição das categorias A ou B;
  • 20% para alteração para as categorias C, D ou E;
  • 10% para renovação da CNH; e
  • 10% para CNH definitiva.

No Distrito Federal, o programa CNH Social foi dividido em três etapas: inscrição, seleção e processo de habilitação. Para a primeira, os interessados devem se candidatar no site do Detran-DF.

Confira o passo a passo para inscrição:

  • Acesse o portal para realizar a inscrição;
  • Selecione a modalidade desejada: estudante habilitado ou cidadão habilitado;
  • Insira o CPF, a data de nascimento, nome do candidato, nome da mãe, sexo, e-mail e telefone e outros dados solicitados de acordo com a modalidade escolhida.

Conheça o CNH Social

O CNH Social é um programa que oferece gratuitamente o curso teórico e prático, treinamento e emissão do documento aos inscritos.

A proposta atende a todas as categorias de habilitação, incluindo motos (A), automóveis leves (B), caminhões (C) e ônibus ou micro-ônibus (D).

Para se inscrever, é necessário atender uma série de requisitos, como:

  •  Estudantes e cidadãos acima de 18 ou 21 anos (de acordo com a categoria da habilitação);
  • Que façam parte do Cadastro Único de programas dos governos distrital e federal;
  • Tenham mais de dois anos de moradia comprovada no DF.

De acordo com o Detran-DF, a lista final dos candidatos inscritos, selecionados e classificados para o Programa será divulgada através do portal do órgão.

CNH Social vai abrir 5 MIL vagas para novos inscritos no Distrito Federal
CNH Social vai abrir 5 MIL vagas para novos inscritos no Distrito Federal (Imagem: Reprodução / Google)

Após a publicação, o candidato terá até 15 dias para realizar a matrícula on-line e, posteriormente, mais 15 dias para realizar a abertura do Registro Nacional de Condutores (Renach). Caso não cumpra esses prazos, perderá o direito ao benefício da CNH Social.

Regras para participar pela categoria Estudante Habilitado:

  • Ter idade entre 18 e 25 anos;
  • Estar inscrito, como titular ou dependente, no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico);
  • Possuir domicílio no Distrito Federal há, pelo menos, dois anos;
  • Estar cursando ou ter concluído os três anos do Ensino Médio em escola da rede pública ou como bolsista integral em instituições privadas;
  • Estar inscrito no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem);
  • Não ter sofrido, nos últimos 12 meses que antecedem à inscrição, penalidades decorrentes de infrações de trânsito de natureza grave ou gravíssima, ou não ser reincidente, nos últimos 12 meses, em infração média, entre outros critérios.

Regras para participar pela categoria Cidadão Habilitado:

  • Ter idade acima de 18 anos;
  • Estar inscrito, como titular ou dependente, no CadÚnico;
  • Saber ler e escrever;
  • Ser penalmente imputável;
  • Possuir domicílio no Distrito Federal há pelo menos dois anos;
  • Não ter sofrido, nos últimos 12 meses que antecedem à inscrição no Programa Habilitação Social, penalidades decorrentes de infrações de trânsito de natureza grave ou gravíssima, ou não ser reincidente, nos últimos 12 meses, em infração média;
  • Possuir inscrição no Cadastro Nacional de Pessoas Físicas (CPF) e carteira de identidade ou equivalente.

Segundo a secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha, o benefício é “direcionado a pessoas que necessitam de uma oportunidade para entrar no mercado de trabalho, gerar renda e superar a situação de vulnerabilidade socioeconômica”.

“É muito importante para nós poder atender nosso público de forma igualitária e inclusiva, possibilitando negros, indígenas, vítimas de violência, idosos, egressos do sistema socioeducativo, transexuais a terem acesso à Habilitação Social, num momento tão difícil como esse, oferecendo oportunidade de emprego de forma empreendedora”, defendeu a secretária de Justiça, Marcela Passamani.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Isabela Veríssimo
Isabela Veríssimo é jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) com passagens por redações, desde 2016, como o Diario de Pernambuco, Jornal do Commercio e Rede Globo. Atualmente dedica-se à redação de economia do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA