MEI vai pagar quanto de INSS a partir deste mês? Veja tabela de valores

Os microempreendedores individuais precisam se atentar ao novo valor da contribuição mensal do MEI para o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) que vai subir em 2021. Este aumento acontece, pois o MEI paga ao INSS o equivalente a 5% de um salário mínimo, atualmente em R$1.100.

MEI vai pagar quanto de INSS a partir deste mês? Veja tabela de valores
MEI vai pagar quanto de INSS a partir deste mês? Veja tabela de valores (Imagem: Tima Miroshnichenko/Pexels)

Como fica a contribuição do MEI em 2021

Devido ao reajuste do salário mínimo, o valor da contribuição mensal do MEI para o INSS em 2021 será R$55,00 mensais. No ano passado o valor pago era de R$52,25.

Vale ressaltar que o valor atualizado passa a valer em fevereiro, ou seja, a contribuição deste mês terá o valor antigo.

A atualização do salário mínimo também muda o valor pago no Documento de Arrecadação do Simples Nacional do Microempreendedor Individual, conhecido como DAS MEI. O valor do documento se refere à contribuição do INSS, e aos tributos de cada categoria.

A base para cálculo do DAS é 5% do salário mínimo em vigor. Sendo assim, neste ano, o valor do documento ficou assim:

Atividade MEI INSS ICMS/ISS Valor mensal do DAS
Comércio e Indústria – ICMS R$ 55,00 R$ 1,00 R$ 56
Serviços – ISS R$ 55,00 R$ 5,00 R$ 60
Comércio e Serviços – ICMS e ISS R$ 55,00 R$ 6,00 R$ 61

Vantagens de ser MEI

 A formalização gera para a microempresa:

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
OPORTUNIDADE
Novo Cartão de crédito queridinho do Brasil, sem anuidade e que você pode solicitar agora 34.787 pessoas já solicitaram
  • Um número de CNPJ;
  • Inscrição na Junta Comercial;
  • Inscrição na Previdência Social, com benefícios como: aposentadoria, salário maternidade, auxílio doença e pensão por morte.

Com o CNPJ ativo, é possível emitir notas fiscais. A inscrição na Junta Comercial é primordial para regularizar a empresa e a inscrição na previdência social permite a cobertura previdenciária.

Passo a passo da formalização como MEI

  • Acesse o site do Portal do Empreendedor 
  • Clique ou pressione o botão Formalize-se
  • Insira o CPF e senha da sua conta Brasil Cidadão (Não possui conta no Brasil, clique na opção Fazer Cadastro)
  • Autorize o acesso aos dados
  • Se solicitado, insira o número do Título de Eleitor ou o número do recibo da declaração de Imposto de Renda dos últimos dois anos
  • Preencha o formulário com os dados solicitados
  • Preencha as declarações e conclua sua inscrição

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.