Lista de profissões que garantem benefícios e contribuição como MEI

Abrir uma empresa é uma forma de se formalizar e garantir os benefícios da Previdência Social, como aposentadoria, salário maternidade e auxílio doença. Porém, antes de se tornar um Microempreendedor Individual (MEI) é importante saber quais são as profissões permitidas nessa modalidade.

Lista de profissões que garantem benefícios e contribuição como MEI
Lista de profissões que garantem benefícios e contribuição como MEI (Imagem/Reprodução Google)

Os cidadãos que desejam abrir uma empresa na modalidade MEI e estão buscando informações sobre os benefícios e contribuições dessa modalidade, chegaram ao lugar certo. Neste post iremos esclarecer as principais dúvidas sobre o Microempreendedor Individual.

O MEI é uma ótima opção para quem possui empresas que tenha um faturamento anual de até R$ 81 mil, ou seja, que tenha uma renda mensal de até R$ 6.750,00 mensal. Porém, esse não é o único critério para ingressar nesse regime que também possui exigências.

O MEI é considerado a modalidade de contribuição mais simples, mesmo assim, há algumas restrições que podem impedir o registro como microempreendedor. A primeira é a atividade econômica exercida pela empresa que precisa estar na lista de Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE).

A lista da CNAE possui mais de 400 funções identificadas por códigos e é dividida em três setores: serviços, comércio e indústria. As profissões abrangem diversos ramos que eram trabalhos realizados de forma informal por causa da burocracia e dos custos altos para a regularização.

Ao identificar a atividade que irá exercer e o código CNAE é preciso informar o número no registro. O que poucas pessoas sabem é que é possível registrar mais de uma atividade, ficando uma atividade principal e as atividades secundárias.

A atividade principal será aquela que resulta o maior faturamento do empreendimento. As atividades secundárias são as complementares que as empresas fazem. As atividades permitidas também podem ser verificadas no Portal do Empreendedor.

Ao acessar a plataforma basta clicar na barra inferior em “Quero ser MEI”. Você será direcionado para uma nova página, na qual deve clicar em “Ocupações Permitidas”.

A plataforma te direcionará para mais uma página, na qual terá todas as atividades permitidas, divididas por letra e com o código CNAE.

Dessa maneira, ao identificar a atividade principal e as secundárias, basta anotar o código de Classificação Nacional de Atividades Econômicas e preencher o registro do Microempreendedor Individual com os números escolhidos.

Lista de profissões como MEI

Algumas das ocupações que se enquadram são:

  • Açougueiro;
  • Assessor de eventos;
  • Adestrador de animais;
  • Agente de turismo;
  • Barbeiro;
  • Boleiro e doceiro;
  • Maquiador;
  • Cabeleireiro;
  • Costureiro;
  • Professor de línguas;
  • Estilista;
  • Artesão;
  • Motoboy;
  • Redator;
  • Cozinheiro;
  • Instalador de equipamento;
  • Eletricista.

Glaucia AlvesGlaucia Alves
Gláucia Alves, formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Foi professora por 7 anos. Esse ano começou a trabalhar como redatora e como corretora de redação. Atualmente, trabalha na equipe do portal FDR e realiza consultoria de redação on-line.