ENEM Digital 2020: Regras, estrutura da prova e funcionamento da 1ª edição

Pontos-chave
  • 96.086 mil estudantes estão inscritos no ENEM Digital 2020;
  • O ENEM Digital 2020 é um piloto para os próximos anos;
  • A previsão é que em 2026, o ENEM seja realizado apenas de forma digital;
  • Prova do Enem Digital 2020 terá questões diferentes da impressa.

O próximo domingo (31) é de aplicação de provas do ENEM Digital 2020 para 96.086 mil estudantes de todo o Brasil. Nesse ano ele ainda é um modelo piloto, mas o plano é que esse modelo seja o substituto das provas impressas.

ENEM Digital 2020: Regras, estrutura da prova e funcionamento da 1ª edição
ENEM Digital 2020: Regras, estrutura da prova e funcionamento da 1ª edição (Imagem/Reprodução: Google)

O Exame Nacional do Ensino Médio digital é um sonho no Ministério da Educação há alguns anos, mas só no ano de 2020 que ele de fato saiu do papel e foi para as telas dos computadores.

“Houve, no passado, tentativas [de fazer o Enem digital], mas foram descontinuadas. A decisão de fazer o Enem digital neste ano foi tomada em 2019. Estamos conseguindo agora tirar o teste do papel, literalmente. Estamos muito animados com o Enem digital”, afirmou Alexandre Lopes, presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

A ideia do MEC e do INEP é que em 2026 o ENEM seja todo digital, com isso recursos de tecnologia poderão ser utilizados, e mais, o gasto diminuirá.

O valor da prova impressa por aluno é de R$ 117. Com a abstenção recorde de mais de 50% dos candidatos, o INEP registrou um desperdício de R$ 332,5 milhões.

Esse valor poderia ser muito menor se a aplicação já acontecesse de modo digital.

Regras do ENEM Digital 2020

  • Uso obrigatório de máscara, o participante só poderá abaixá-la para a identificação e para se alimentar.
  • Não é permitido o uso de aparelhos eletrônicos, apenas os computadores das unidades de aplicação poderão ser usados. Celulares, relógios e calculadoras, assim como na versão impressa, terão que ficar guardados.
  • O distanciamento social deverá ser preservado em todos os ambientes dos locais de prova.
  • A higienização deverá ser feita pelos participantes ao entrarem nas salas.
  • Cada sala contará com um técnico de informática para auxiliar em eventuais problemas.
  • O estudante deverá levar caneta esferográfica preta de material transparente, pois a redação será feita a mão, assim como no Enem Impresso.
  • O acesso à sala só será liberado após a apresentação de documento de identificação com foto.
  • O sistema usado nas provas não permitirá acesso a sites terceiros.
  • Alimentos serão permitidos, desde que em vasilhas transparentes ou conservadas as embalagens. Nos dois casos, os fiscais farão inspeção.
ENEM Digital 2020: Regras, estrutura da prova e funcionamento da 1ª edição (Imagem/Reprodução: Google)
ENEM Digital 2020: Regras, estrutura da prova e funcionamento da 1ª edição (Imagem/Reprodução: INEP)

Qual a estrutura de prova do ENEM Digital 2020?

A prova do Enem Digital 2020 terá questões diferentes da impressa, mas os conteúdos e nível de dificuldade serão os mesmos.

O formato dela também deve ser o mesmo do exame impresso, ou seja, os candidatos serão submetidos ao seguinte esquema de aplicação:

1º dia

  • 45 questões de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias
  • 45 questões de Ciências Humanas e suas Tecnologias
  • Redação (única parte do exame manuscrita)

2º dia

  • 45 questões de Matemática e suas Tecnologias
  • 45 questões de Ciências da Natureza e suas Tecnologias

“A gente procurou, nesse momento, simular no ambiente digital o que acontece no papel. Então, o aluno vai poder, por exemplo, ir na questão mais à frente, pode voltar. No final, ele vai marcar e quando der o sinal que finalizou a prova, o sistema trava o preenchimento do gabarito. Aí pronto, não vai mais poder mexer e a prova vai vir direto para o Inep”, disse o presidente do INEP.

Funcionamento do ENEM Digital 2021

O funcionamento deve ser bem semelhante à versão impressa. Os estudantes, nessa edição do exame, terão os portões dos locais de prova abertos mais cedo, 11:30 em vez de 12:00.

Os candidatos devem conferir previamente os locais de aplicação das provas diretamente na Página do Participante.

Dúvidas sobre a prova

Confira abaixo respostas para algumas questões baseadas em falas do presidente do INEP, Alexandre Lopes.

  • Terão câmeras nos locais de aplicação do exame?

Não, nessa primeira aplicação INEP não disponibilizou o uso de câmeras, mesmo nas salas que já possuem alguma instalada.

  • Como deve acontecer a transmissão de dados da prova?

Quando o tempo de prova se encerrar, ela terá transmitida via internet, será apenas nesse momento que os computadores serão conectados, mas por um curto espaço de tempo.

  • Será possível sair da prova com gabarito?

Os estudantes receberão folhas em branco em que poderão copiar suas respostas, caso queiram leva-las consigo.

  • O ENEM Digital 2020 está saindo mais barato que a versão impressa?

A pandemia trouxe várias adaptações e novos gastos. Com isso, essa modalidade nesse primeiro ano está saindo bem mais cara que a versão impressa.

Continue bem informado, acompanhe a seção Carreiras do FDR .

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR. Jamille utiliza sua experiência na área da educação para cobrir notícias sobre cursos, vestibulares, empregos e concursos.