IPTU 2021: Confira quando é vantajoso pagar imposto à vista e com desconto

Ao realizar o pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), o contribuinte poderá quitar o valor à vista ou parcelado. Normalmente, as prefeituras possibilitam que o imposto em cota única seja pago com desconto. Entenda quando vale a pena pagar o IPTU 2021 à vista e com desconto.

IPTU 2021: Confira quando é vantajoso pagar imposto à vista e com desconto
IPTU 2021: Confira quando é vantajoso pagar imposto à vista e com desconto (Imagem: Montagem/FDR)

Para saber qual a melhor forma de pagamento do IPTU, será importante entender a situação financeira atual. Se a pessoa possui o valor total cobrado, vale a pena quitar o débito à vista. A porcentagem de desconto varia conforme município.

O pagamento à vista também possui a vantagem de evitar o pagamento de juros, em caso de atraso. Durante a correria do dia a dia, a data limite de pagamento de uma das parcelas pode ser esquecida. Com o valor quitado em cota única, não há esse risco.

Caso tenha algum dinheiro aplicado em investimento, essa quantia poderá ser usada no pagamento do IPTU.

O desconto do imposto à vista tende a ser maior que o rendimento mensal de aplicações de baixo risco, por exemplo. Neste caso, verifique a opção mais vantajosa, antes de tomar a decisão definitiva.

Uma forma de decidir pela melhor forma de pagamento é verificar como foi o comportamento financeiro do ano anterior. Essa análise possibilitará ter uma projeção de como os gastos têm sido feitos e das possíveis despesas para 2021.

Quando vale a pena pagar o IPTU 2021 parcelado

Por outro lado, caso a pessoa ainda não possua quantia suficiente até o prazo, a melhor opção será parcelar o imposto. O número de parcelas depende das regras definidas para cada município.

Diante disso, é importante se programar para conseguir pagar todas as parcelas sem atraso. O pagamento dentro do prazo evitará possíveis juros e valores ainda maiores.

Em uma situação mais extrema, o contribuinte tem a possibilidade de solicitar empréstimo para pagar o IPTU.

No entanto, será preciso conferir se as taxas de juros são pequenas. Caso o custo seja alto, a possibilidade de crédito pode não ser vantajosa, ao se levar em consideração o valor final.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.