Inscrições no PROUNI 2021 começam na próxima semana; confira tudo o que mudou

O Programa Universidade para Todos é a oportunidade dos estudantes brasileiros que não têm condições de pagar uma instituição de ensino superior, ingressarem como bolsistas. As inscrições do PROUNI 2021 começam já na próxima semana.

Inscrições no PROUNI 2021 começam na próxima semana; confira tudo o que mudou
Inscrições no PROUNI 2021 começam na próxima semana; confira tudo o que mudou (Imagem/Reprodução: Google)

Janeiro vai ser um mês bastante intenso para os estudantes brasileiros. Pois, terá aplicação das provas do ENEM 2020, inscrição para o FIES E PROUNI 2021.

No caso do Programa Universidade para Todos as inscrições estarão abertas entre 12 e 15 de janeiro.

Mudanças no PROUNI 2021

A primeira grande mudança, a que mais impactou os estudantes, é a impossibilidade do uso da nota do ENEM 2020 para ingresso nesse primeiro processo seletivo. Assim, os estudantes deverão se inscrever com a nota do Exame de 2019.

Por conta dessa mudança, o INEP divulgou que abrirá um outro processo seletivo “estra” em abril, após a divulgação da nota do Enem 2020, em que ela poderá ser usada.

Outra grande mudança é sobre as vagas remanescentes, até o ano passado os candidatos eram selecionados de acordo com a ordem de inscrição.

Mas no edital publicado pelo INEP traz a informação de que eles serão selecionados em 2021 por ordem de classificação de acordo com a nota do Enem a partir de 2010.

PROUNI 2021: Quem pode participar?

Para ter direito a uma das bolsas de estudo ofertadas pelo programa os estudantes devem atender a alguns requisitos:

  • Ser estudante egresso do ensino médio da rede pública ou como bolsista integral na rede particular;
  • Ter participado do Exame Nacional do Ensino Médio em sua versão mais recente, nesse caso a de 2019;
  • Não ter zerado a redação;
  • Ter alcançado, pelo menos, 450 pontos de média geral.

Também podem participa professores da rede pública, nesse caso apenas para os cursos de licenciatura e pessoas com deficiência (PcD).

Além disso, o programa concede as bolsas de acordo com a faixa de renda em que o estudante se encaixa, vaja como é feita distribuição:

  • Bolsa integral: Estudantes que tenham renda familiar mensal por pessoa de até 1,5 salário mínimo;
  • Bolsa parcial (50%): Estudantes com renda familiar mensal por pessoa de 1,5 a 3 salários mínimos.

Acompanhe a editoria de Carreiras do FDR e fique bem bem informado.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR. Jamille utiliza sua experiência na área da educação para cobrir notícias sobre cursos, vestibulares, empregos e concursos.