Planos de saúde terão dois acréscimos no valor a partir de janeiro; veja QUANTO vai pagar

Neste ano em decorrência da pandemia do coronavírus, o reajuste anual dos planos de saúde foi suspenso, e no início do próximo ano, este valor será cobrado para cerca de 20 milhões de clientes.

Planos de saúde terão dois acréscimos no valor a partir de jaeiro; veja QUANTO vai pagar
Planos de saúde terão dois acréscimos no valor a partir de jaeiro; veja QUANTO vai pagar (Imagem: Karolina Grabowska/Pexels)

O Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor), tentou impedir na Justiça, a cobrança retroativa até que a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) instalasse uma câmara técnica para o debate do tema, porém o pedido de liminar não foi aceito.

Desta forma, os boletos de pagamento dos clientes dos planos, além de já estarem com o valor da mensalidade atualizada, também contam com a cobrança dos valores que não foram pagos este ano divididos em 12 parcelas.

A cobrança também abrange os cerca de 5 milhões de beneficiários que trocaram de faixa etária, e tiveram o aumento de acordo com à mudança de idade suspenso de setembro a dezembro deste ano.

Os beneficiários que tiveram os dois reajustes suspensos, pagarão ainda mais no ano que vem.

Como serão feitas as cobranças e as alternativas

  • Quais foram os contratos que tiveram o reajuste suspenso neste ano?

A suspensão foi para os planos individuais, coletivos por adesão e empresariais com até 29 usuários.

  • Reajuste por faixa etária

Este reajuste foi suspenso tanto para usuários que mudaram de faixa etária entre setembro e dezembro quanto para os que já tinham mudado nos outros meses do ano. Em ambos os casos, o valor da mensalidade voltou ao patamar cobrado antes do reajuste por faixa etária.

  • Pagamento dos reajustes suspensos

Os contratos que foram atingidos com a suspensão dos reajustes entre setembro e dezembro, terão a cobrança destes meses colocadas nas parcelas a partir de janeiro. Serão 12 parcelas iguais.

Para os planos individuais, a ANS adiou a divulgação do percentual máximo de correção que seria aplicado a partir da mensalidade do mês de maio. Sendo assim, não houve reajuste neste ano, e será preciso recompor oito meses, não apenas quatro, como nos demais planos.

  • Qual reajuste máximo pode ser aplicado nos planos individuais pu familiares?

O reajuste máximo dos planos individuais ou familiares que foram contratados a partir de 1999 e os antigos adaptados é de 8,14%.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Planos de saúde terão dois acréscimos no valor a partir de janeiro; veja QUANTO vai pagar

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA