Governo diz até quando enviará SMS solicitando devolução do auxílio emergencial

Entre hoje e amanhã, 22, o governo irá enviar mensagens de texto SMS para as pessoas que tiveram o Auxilio Emergencial cancelado para alertar sobre a possibilidade de contestação da interrupção. E também sobre a necessidade de devolução dos recursos, por ter recebido a ajuda governamental indevidamente. Cerca de 1,2 milhão de pessoas devem ser notificadas.

Governo diz até quando enviará SMS solicitando devolução do auxílio emergencial (Imagem FDR)

As pessoas notificadas são as que o Tribunal de Contas da União (CGU) e a Controladoria Geral da União (CGU) consideraram o recebimento do auxílio como indevido.

Entre os motivos para essa conclusão durante o pagamento da ajuda foram de que beneficiários passaram a receber um segundo benefício assistencial do governo, como a aposentadoria, seguro-desemprego ou Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda.

Também foi considerado quem conseguiu um emprego ou possuía uma renda maior que a permitida, ou posse de bens de alto valor.

Os beneficiários que receberem a mensagem SMS no celular poderão fazer a contestação no site da Dataprev até o dia 31 de dezembro. A partir de janeiro só será possível efetuar a devolução dos valores recebidos.

Quando o trabalhador realizar a consulta no site da Dataprev, ele receberá uma mensagem que vai dizer o motivo do cancelamento. O Ministério da Cidadania preparou uma lista com as possíveis mensagens que podem ser recebidas e quais são passíveis de contestação. Para conferir acesse este link.

Se a contestação for aceita, o trabalhador volta a receber o auxilio no mês seguinte a realização do pedido.

Como efetuar a devolução do auxílio emergencial

Para devolver os valores da ajuda governamental que foram concedidos fora das regras determinadas na lei é necessário entrar no site Devolução do auxílio emergencial e informar o CPF do beneficiário.

Após este procedimento será emitida uma Guia de Recolhimento da União (GRU) e o pagamento pode ser efetuado nos canais de atendimento do Banco do Brasil, na internet, nas agências e nos terminais de autoatendimento.

Cerca de 197 mil pessoas já realizaram a devolução dos valores recebidos indevidamente, o que representa cerca de R$230 milhões em devoluções para os cofres do governo.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Governo diz até quando enviará SMS solicitando devolução do auxílio emergencial

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA