Sem dívidas em 2021: Aprenda ESTAS dicas e comece o ano mais leve

Atualmente, o Brasil possui milhões de pessoas com dívidas. Se você faz parte desse grupo, certamente deve estar em busca de alternativas para se livrar dessa situação. Confira algumas dicas para te ajudar a iniciar 2021 sem débitos pendentes.

Dicas para negociar suas dívidas e começar 2021 sem débitos pendentes
Dicas para negociar suas dívidas e começar 2021 sem débitos pendentes (Imagem: Karolina Grabowska/Pexels)

Se você está endividado e não sabe o que fazer, saiba que há algumas formas de lidar com o problema. Primeiramente, entenda melhor o valor total da dívida e o quanto você conseguiria pagar.

Ao realizar essa análise pessoal, tente negociar diretamente com a instituição em que a dívida esta aberta.

A ter detalhado sobre as possibilidades de pagamento, converse com o profissional da empresa e explique a situação. Se houver um acordo, o débito pode ser quitado de forma mais tranquila.

Caso não haja acordo, outras medidas ainda podem ser tomadas. Para que a dívida fique menor, há a possiblidade trocar as dívidas do cartão ou cheque especial por empréstimo pessoal ou consignado.

Outra forma de aliviar as contas já acumuladas é por meio da transferência de dívida. Caso perceba que alguma outra instituição financeira oferece melhores condições, faça a mudança. Dessa forma, facilitará ao longo dos meses.

Como evitar as dívidas em 2021

Um dos grandes fatores que faz com que as pessoas se endividem é a falta de educação financeira. Para que as chances de possuir débitos pendentes diminuam, a inclusão desse aprendizado deve ser feita na vida do brasileiro.

Ao atrasar alguma mensalidade, os juros podem se tornar cada vez maiores. Sendo assim, será preciso verificar as condições antes de assumir determinado compromisso financeiro.

Realize um planejamento financeiro de forma periódica. Verifique se o dinheiro a ser gasto não é maior que o ganho. Busque assumir somente dívidas que serão possíveis de serem pagas. Algumas contas são periódicas, como contas e impostos. Por conta disso, tenha a quantia necessária reservada.

Além disso, separe as compras necessárias das opcionais. Ou seja, pense bem se determinada compra tem real necessidade. Muitas vezes, queremos comprar algo que não tem tanta necessidade. Mesmo que pretenda comprar, busque uma opção mais barata para aliviar a economia pessoal.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Sem dívidas em 2021: Aprenda ESTAS dicas e comece o ano mais leve

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do FDR produzindo conteúdo sobre economia.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA