RECEBA R$1 MIL do Bolsa Família em 2021 seguindo ESTE passo a passo

Pontos-chave
  • O governo quer oferecer microcrédito para os beneficiários do Bolsa Família;
  • O valor sera de R$500 a R$1 mil;
  • Isso está sendo pensado por conta do fim do pagamento do auxílio.

O governo está avaliando criar um programa de microcrédito para aqueles que recebem o benefício do Bolsa Família, seriam liberados empréstimos entre os valores de R$500 até R$1 mil.

Bolsa Família vai liberar microcrédito de R$1 MIL; QUEM poderá receber?
Bolsa Família vai liberar microcrédito de R$1 MIL; QUEM poderá receber?

Por conta do auxílio emergencial que foi pago nesta pandemia e vai terminar neste ano, o governo está buscando novas medidas para apoiar as camadas mais pobres da população.

Para isso foram criados auxílio-creche no valor de R$52 por mês e os prêmios para os bons alunos no valor de R$1 mil.

Não foi definido ainda de onde será retirado o dinheiro dos empréstimos, se será de recursos orçamentários da União ou da Caixa. 

Inicialmente, o orçamento do programa não deve ser maior que R$2 bilhões.

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, já disse que pretende transformar o Caixa Tem em um banco digital e realizar a primeira oferta inicial de ações. 

Dentre os produtos que o banco deseja oferecer aos correntistas os microcrédito é um deles, com empréstimos que podem chegar ao valor de R$1 mil.

O Caixa Tem foi criado para pagar o auxílio emergencial e depois foi estendido para o pagamento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Caso o governo escolha direcionar recursos do orçamento para o programa, o objetivo é que o fundo seja estruturado nos moldes do que foi criado para o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe)

A equipe econômica está avaliando o risco do crédito das operações que será de 100% do fundo ou se vai ser dividido com a Caixa.

Oferecimento do microcrédito

Bolsa Família vai liberar microcrédito de R$1 MIL; QUEM poderá receber?
Bolsa Família vai liberar microcrédito de R$1 MIL; QUEM poderá receber? (Foto:FDR)

Os inscritos no Cadastro Único e os beneficiários do Bolsa Família já possuem a possibilidade de acesso a um microcrédito por meio do programa Progredir.

Com o programa, os beneficiários podem realizar diversos cursos gratuitos de capacitação profissional.

O Ministério da Cidadania avalia que o nível de adesão, dos cursos e do microcrédito ainda é baixo.

Os participantes do Cadúnico e os beneficiários do programa Bolsa Família ainda não encontraram os incentivos para se capacitar.

Os bancos parceiros do programa de microcrédito não vão receber as demandas dos participantes ou até os incentivos para oferecer os empréstimos.

“O desenho do Progredir enquanto política pública é muito interessante, mas ele ficou engavetado no Ministério da Cidadania como um patinho feio. Ele seria um programa mais efetivo se fosse revisitado com mudanças e o governo abraçasse essa iniciativa”, disse um dos técnicos da equipe econômica.

Como usar o empréstimo do Bolsa Família?

Mesmo com as discussões sobre o programa estarem bem avançadas, os técnicos da equipe econômica estão alertando o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, que é gestor do programa Bolsa Família, que essa medida precisa ser pensada com cuidado para que o microcrédito não seja algo que leve somente o consumo imediato sem o uso consciente dos valores.

“Se todos os beneficiários do Bolsa Família receberem esse crédito automaticamente, sem ter acesso aos cursos de educação financeira e aos conceitos do microcrédito, isso se torna um crédito direto ao consumidor. E isso leva a uma inadimplência maior. Essa é uma modalidade de crédito consciente”, disse.

De acordo com os dados do Banco Central (BC), a taxa de calores do microcrédito é baixa e atingiu cerca de 2,4% no mês de outubro. 

Essa taxa é inferior à inadimplência geral de crédito para pessoa física, que alcançou 3,1% no mesmo mês. 

A taxa para o crédito pessoal chegou a 5,7%, na mesma base de comparação.

Hoje, a carteira de microcrédito de todos os bancos que operam essa modalidade é de apenas R$ 6,8 bilhões, conforme os dados do Banco Central.

O que é microcrédito?

É um empréstimo para pequenos empreendedores, que querem ampliar o seu negócio, comprar equipamentos e entre outros.

O microcrédito é uma proposta do governo federal para incentivar os microempreendedores e promover o crescimento de renda para a população.

Qual a taxa de juros?

As taxas de juros são as mais baixas do mercado, chegando ao máximo de 4% ao mês.

Os juros de outros empréstimos  até 6% ao mês. 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.