Como criar um plano de negócios para SUA empresa com o auxílio do Sebrae

Para que uma empresa possa apresentar resultados constantes, o planejamento se torna imprescindível. Por meio de um plano de negócios, o empreendedor terá uma visão mais ampla do mercado como um todo. Com isso, será possível tomar medidas mais efetivas para melhorar os resultados. Confira mais detalhes sobre este modelo, com o auxílio do Sebrae.

Confira dicas do Sebrae para criar um plano de negócios para sua empresa
Confira dicas do Sebrae para criar um plano de negócios para sua empresa (Imagem: RODNAE Productions/Pexels)
publicidade

O plano de negócios se refere ao documento em que os objetivos do negócio são traçados, de forma a projetar as ações. Dessa forma, os objetivos podem ser melhores definidos, para que sejam cumpridos com menor risco.

Em suma, o plano de negócio previne um possível erro na prática, que poderia causar grandes prejuízos. Uma visão mais ampla do mercado será observada ao utilizar esse instrumento.

Este processo tem importância para os profissionais de qualquer nível de empreendimento. Diversas vantagens podem ser observadas ao adotar este levantamento.

Ao iniciar um negócio, este documento facilitará na organização de ideias. Para as empresas em atividade, o plano ajudará durante a expansão. Para facilitar a ter o plano de negócios em mãos, o Sebrae separou algumas etapas para a criação.

Início do plano

Primeiramente, algumas informações precisam ser buscadas para que o negócio seja estabelecido. Entre as ações possíveis, estão o conhecimento do ramo de atividade, definição de produtos e análise do local.

Análise do mercado

Essa etapa proporcionará maior visão do mercado, sobre clientes, fornecedores e concorrentes. Tendo essa visão, ficará mais fácil de estipular o produto a ser oferecido.

Marketing

Esta parte se refere ao processo de ações para que a empresa supra as necessidades dos clientes. O Sebrae destaca as atividades de marketing pela classificação das áreas básicas, pelos 4 “Ps” — Produto, Pontos de Venda, Promoção e Preço.

Plano operacional e financeiro

Por meio do plano operacional, o empreendedor terá noção sobre como realizar as decisões mais práticas. A estruturação de localização, instalações físicas e equipamentos são descritos. Com relação ao financeiro, a estimativa de investimento será mais visível para que a empresa realize as operações.

Análise de cenário e estratégia

A análise de cenários permitirá ao profissional a previsão de situações que podem acontecer ao longo do empreendimento. Com isso, as estratégias podem ser analisadas para serem implantadas.

Avaliação

Por fim, os detalhes precisam ser revisados para que sejam colocados em prática. Essas etapas devem ser revisadas com frequência para que se adequem com as situações futuras.

AvatarSilvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.