Aulas presenciais em SP ficarão restritas para ESTES alunos, diz prefeitura

As aulas presenciais em São Paulo foram retomadas desde o último dia 3 de novembro, mas apenas para os estudantes do ensino médio. A expectativa era de que outros grupos também retornassem, mas o Governo Municipal acaba de divulgar medida contrária.

Aulas presenciais em SP ficarão restritas para ESTES alunos, diz prefeitura
Aulas presenciais em SP ficarão restritas para ESTES alunos, diz prefeitura. Imagem/Reprodução Google
publicidade

No início de novembro os estudantes das redes municipal, estadual e particular, receberam a autorização do prefeito Bruno Covas para retornar às salas de aula.

A população esperava que com esse passo, aos poucos outros segmentos da educação também, retomassem as aulas presenciais. Mas não é bem isso que irá acontecer, de acordo com o prefeito.

Quem pode frequentar as aulas presenciais em São Paulo?

As atividades presenciais estão permitidas apenas para os estudantes do ensino médio.

A decisão pelo retorno desses estudantes foi tomada com base no fato de que muitos deles estão se preparando para os vestibulares e o Enem, e seriam bastante prejudicados se as aulas não fossem retomadas.

Agora, o prefeito afirmou que esses estudantes continuam com a permissão de frequentar os ambientes escolares para as aulas presenciais.

Mas ainda não é o momento de acrescentar outros segmentos a essa permissão.

Os estudantes do ensino fundamental e infantil continuam permitidos a participarem, presencialmente, de atividades extracurriculares apenas.

Como foi organizado esse retorno às aulas presenciais em São Paulo

A autorização para que as aulas presenciais retornassem foi dada, incialmente, pelo Governador de São Paulo, João Doria, isso em setembro, mas cabia a cada prefeito acatar ou não essa decisão.

No final de outubro o prefeito, Bruno Covas, autorizou que os estudantes voltassem às salas de aulas.

No entanto, os responsáveis e pais têm a liberdade de escolher se enviam os estudantes ou não. Assim, as escolas deveriam continuar ofertando o ensino remoto.

Panorama após o retorno

O que se viu no primeiro momento foi a baixa adesão das aulas presenciais. Pois, muitos responsáveis ainda se sentem com medo de enviar os estudantes.

O que se viu nas últimas semanas em São Paulo foram escolas, principalmente particulares, optando pela suspensão das aulas presenciais, pois o risco de contaminação foi sentido.

Quer saber como está o retorno ás aulas presenciais no Brasil? Então, siga acompanhando a editoria de Carreiras do FDR .

Jamille NovaesJamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha com professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR.