Amapá tem blecaute geral em 13 municípios do estado; veja as consequências

Estado do Amapá deverá permanecer em blecaute pelos próximos 15 dias. Na última semana, um incêndio em Macapá corrompeu todo o sistema elétrico do estado fazendo com que 13 de seus 16 de municípios ficassem sem serviços de saúde, estações de tratamento de água e comunicação.  

Amapá tem blecaute geral em 13 municípios do estado; veja as consequências (Imagem: Google)
Amapá tem blecaute geral em 13 municípios do estado; veja as consequências (Imagem: Google)

De acordo com representantes do governo será necessário restaurar os transformadores, por isso a população deverá aguardar por ao menos duas semanas.

O blecaute que vem afetando a região do Amapá teve início nessa terça-feira (03). De acordo com as informações concedidas pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), houve um incêndio nas usinas hidrelétricas Coaracy Nunes e Ferreira Gomes fazendo com que seus transformadores passarem de funcionar.  

Desde então quase todo o estado está sem energia, tendo em vista que o transformador danificado era o único responsável por fazer a distribuição elétrica entre as cidades.

As poucas regiões que se mantém em estado normal apresentam um sistema próprio e por isso não foram danificadas. 

Diante do cenário caótico, o ministro de Minas e Energia foi até o estado, na quarta-feira (04), para acompanhar a crise. Ele afirmou que será necessário realizar um novo tratamento no óleo do transformador incendiado e também solicitou um novo gerador para garantir que o erro não se repita.  

A previsão inicial era que a energia voltaria na quinta-feira (06). Entretanto essa data precisou ser remarcada para os próximos 15 dias tendo em vista que será quando o novo transformador chegará no estado.  

É válido ressaltar ainda que a estabilidade total do sistema elétrico só ocorrerá em 30 dias, quando um terceiro transformador for instalado. 

População descoberta  

Uma reportagem especial do G1 mostrou que a realidade da população se tornou preocupante. Sem energia, muitos estão sem acesso a alimentação, serviços básicos de saúde e até mesmo meios de comunicação com parentes e familiares.  

Há filas em postos e supermercados que possuem geradores para tentar carregar alguns aparelhos celulares.

Questionado sobre o assunto o presidente Jair Bolsonaro informou que a responsabilidade era da gestão local que não realizou a manutenção necessária dos transformadores.  

— Pode ser que justifique, mas, a princípio, dez meses de manutenção é um tanto quanto complicado. O outro não estava bem, funcionando de forma precária, e o terceiro, que estava bem, acabou explodindo. 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.