FGTS emergencial: Como posso usar o dinheiro sem autorização para saque?

Os trabalhadores brasileiros que possuem saldo do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), podem fazer o uso do seu dinheiro mesmo que o governo ainda não tenha autorizado o saque. Saiba aqui como movimentar a quantia.

FGTS emergencial: Como posso usar o dinheiro sem autorização para saque?
FGTS emergencial: Como posso usar o dinheiro sem autorização para saque? (Foto: FDR)

O FGTS Emergencial foi criado pelo governo para estimular a economia neste período de crise causada pelo novo coronavírus. 

Os trabalhadores que possuem conta inativa, ou seja, de empregos anteriores ou ativas, de empregos atuais, recebem no máximo R$1.045. Podendo somar os valores disponíveis em cada conta para chegar ao valor final. 

O pagamento é realizado por meio da poupança social digital da Caixa. Em um primeiro momento, o dinheiro só poderá ser movimentado no aplicativo Caixa Tem, para que sejam realizados pagamento e compras por meio do cartão de débito virtual.

Por meio do cartão é possível realizar compras pela internet em mais de mil sites e aplicativos.

Além disso, os beneficiários podem usar o dinheiro para pagar contas como de água e luz. 

Como solicitar o cartão de débito virtual?

Para solicitar o cartão é preciso ter o aplicativo da Caixa tem. Na tela inicial terá um ícone denominado “Cartão de Débito Virtual” clique nele, após isso, vai abrir uma página como se fosse uma troca de mensagem.

É só clicar na opção “Usar agora meu Cartão de Débito Virtual”. O aplicativo vai solicitar a senha de acesso que você cadastrou para entrar no aplicativo.

Ao informar a senha, aparecerá uma imagem com as informações do seu cartão, como número, nome, validade e código de segurança.

Basta digitar corretamente essas informações conforme orientação da loja. O uso é o mesmo de uma compra na internet com cartão físico. 

Não quero usar o meu dinheiro o que fazer?

Aqueles beneficiários que não querem usar o seu dinheiro não precisam fazê-lo, podendo devolver a quantia para a sua conta do FGTS.

Como devolver o dinheiro?

No aplicativo do FGTS terá a opção para aqueles que não desejam sacar o FGTS. Essa comunicação para a Caixa, deveria acontecer 10 dias antes da data que o crédito vai ser depositado na poupança social.

Acontece que todos os depósitos já foram feitos, e o calendário apenas libera os saques e transferência nesse último momento.

Caso o trabalhador perca o prazo, esse crédito vai ser depositado, mas ainda assim é possível pedir pelo aplicativo o desfazimento do depósito. 

Ao fazer essa solicitação, os valores retornaram à conta do FGTS devidamente corrigidos. Pois a rentabilidade do FGTS é de 3% ao ano. 

Se o desfazer do depósito não for realizado, o dinheiro permanecerá na conta social até o dia 30 de novembro de 2020. 

Depois dessa data, será devolvido à conta do fundo com a devida remuneração no período. 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.