Aulas presenciais do ensino médio retornam a partir de novembro na cidade de SP

Após 7 meses sem aulas presenciais, a cidade de São Paulo decidiu pela retomada das atividades. A decisão foi tomada após a realização da testagem em massa e a constatação de que 13,2% dos alunos, professores e funcionários tiveram contato com a doença.

Aulas presenciais do ensino médio retornam a partir de novembro na cidade de SP
Aulas presenciais do ensino médio retornam a partir de novembro na cidade de SP (Imagem/Reprodução Google)

Apenas os estudantes do ensino médio poderão retornar as salas de aula no dia 3 de novembro. Bruno Covas, prefeito da cidade, informou também que a educação infantil e o ensino fundamental seguem sem previsão de retorno das aulas presenciais.

Retomada nas três esperas

A decisão tomada pelo prefeito, Bruno Covas, é válida tanto para as escolas da rede estadual de ensino, quanto municipal e pública. No entanto, o retorno não é obrigatório e as instituições deverão seguir o que melhor se enquadra a sua realidade.

Lembrando que essa autorização para o retorno é para as três redes: a rede municipal, a rede estadual e a rede privada.

A volta é voluntária para os pais, de acordo com a decisão do Conselho Nacional de Educação, e “deve seguir os protocolos sanitários já estabelecidos”, disse o prefeito.

Caso a escola em que o estudante está matriculado retome a aula presencial, os responsáveis têm autonomia para enviar ou não os adolescentes ao ambiente escolar. Por isso, mesmo com o retorno das aulas presenciais, o ensino remoto continuará a ser ofertado.

Quais profissionais da educação podem retornar?

Antes de decidir pelo retorno aulas presencias, a prefeitura realizou a testagem em 65.400 mil, esses testem resultaram no percentual de 13,2% de pessoas que tiveram contato com o vírus.

Assim, Bruno Covas decidiu que apenas aqueles professores que já apresentaram a doença estarão autorizados a retornar à sala de aula, medida tomada para garantir a saúde dos profissionais que não foram expostos ao vírus.

“Nós vamos chamar para voltar para dentro da sala de aula apenas os professores que já estão imunizados de acordo com o censo que está sendo realizado pela Prefeitura de São Paulo”, disse Covas.

Como será esse retorno?

Além de seguir todas as medidas, como redução da ocupação do espaço escolar, uso de máscara, disponibilização de álcool em gel, entre outras.

Os adolescentes que retornarem deverão ser submetidos a uma avaliação que irá medir o nível de aprendizado deles durante as aulas remotas; além disso, aulas de reforço devem ser oferecidas a eles.

Acompanhe nossa seção Carreiras e fique informado sobre a retomada do ensino no Brasil.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR. Jamille utiliza sua experiência na área da educação para cobrir notícias sobre cursos, vestibulares, empregos e concursos.