Devolução da taxa de inscrição do Concurso Censo 2020 já tem data confirmada

Com o processo seletivo simplificado do Censo 2020 suspenso, os candidatos que ainda não solicitaram a devolução da taxa de inscrição devem comparecer a uma agência do Banco do Brasil entre 26 e 30 de outubro deste ano, para efetuar o saque do valor. 

Concurso Censo 2020 devolve taxa de inscrição neste mês; veja como receber
Concurso Censo 2020 devolve taxa de inscrição neste mês; veja como receber (Imagem: Reprodução Google)

Aliás, os candidatos poderão sacar o valor em qualquer agência do banco, exceto às Estilos. Porém, em casos de inconsistência no CPF ou cancelamento por óbito, o serviço não poderá ser realizado. 

Caso ocorra um desses casos, os candidatos deverão se dirigir a alguma agência do Banco do Brasil, preferencialmente na data inicial. 

Ademais, a devolução da taxa será realizada por ordem bancária, sendo esta associada ao nome e CPF do candidato que se inscreveu no processo seletivo.

Isto é: apenas o próprio candidato poderá efetuar  o saque no BB. Portando, assim, identidade ou CPF. Cerca de 40 mil pessoas poderão resgatar o valor.

Processo seletivo do Censo 2020

Em março deste ano, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abriu processo seletivo simplificado para contratação temporária de profissionais a fim de atuarem no Censo Demográfico 2020.

Ao todo, foram ofertadas 208.695 mil vagas distribuídas para a função de recenseador (180.557 vagas), agente censitário supervisor (22.676 vagas) e agente censitário municipal (5.462 vagas).

As oportunidades foram abertas para diversas cidades do país. A taxa de inscrição, aliás, custou R$ 35,80 para funções de nível médio e R$ 23,61 para recenseador. 

As provas do processo seletivo simplificado seriam aplicadas em maio. Porém, por conta da pandemia do novo coronavírus (covid-19), o concurso foi cancelado ainda em março. 

Devolução da taxa será feita por saque 

Ademais, as ordens bancárias das devoluções das taxas de inscrição dos candidatos ficarão disponíveis para saque em espécie por até cinco dias úteis que vão dos dias 26 a 30 de outubro. Desse modo, caso os candidatos não efetuem o saque dentro desse período, o valor retornará para o IBGE. 

Assim, ficarão indisponíveis para saque em espécie até que possam ser reprocessados. Aliás, é válido destacar que a devolução dos valores será feita apenas por saque. Dessa forma, não haverá outro meio de devolução. 

Em caso de dúvidas, os candidatos poderão entrar em contato com o IBGE no telefone 0800 721 8181 ou por meio do email [email protected]

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.