Prefeito de Belo Horizonte autoriza volta dos restaurantes e novo funcionamento das lojas

Nessa quinta-feira (20), o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), informou que estará permitindo a reabertura de lanchonetes e restaurantes. De acordo com ele, a decisão passará a valer a partir da próxima segunda-feira (24) e deverá prolongar, também, o tempo de funcionamento das lojas e comércio.   

Prefeito de Belo Horizonte autoriza volta dos restaurantes e novo funcionamento das lojas (Imagem: Google)
Prefeito de Belo Horizonte autoriza volta dos restaurantes e novo funcionamento das lojas (Imagem: Google)

Com a pandemia do novo coronavírus, a prefeitura municipal de Belo Horizonte precisou fechar as atividades econômicas de toda a região. Durante um período de aproximadamente 60 dias, o comércio ficou inviabilizado e os serviços de alimentação funcionaram apenas por delivery.  

Entretanto, com um controle no número de infectados, a cidade vem aderindo à etapas de reabertura. A partir da próxima semana, os shoppings e lojas de rua deverão funcionar de segunda a sexta-feira (até então só podiam operar três vezes por semana).

O prefeito irá permitir também a reabertura das cinco praças públicas (atualmente fechadas), e a retomada presencial dos restaurantes e lanchonetes.  

Para que os serviços de alimento sejam reabertos, será preciso proibir a venda de bebidas alcoólicas e o funcionamento só poderá ocorrer das 11h até às 15h. 

Pronunciamento da prefeitura de Belo Horizonte

Segundo Kalil, a decisão foi tomada de forma segura, levando em consideração os riscos de infecção. A ideia é que esses serviços pouco a pouco recuperem seus prejuízos, mas sem que haja uma evolução da doença em toda a cidade.  

“Eu volto a dizer que esta abertura gradual, com calma, agora depende de todos vocês. Já sacrificamos demais, fizemos esforço demais, sofremos demais. Se estamos fazendo isso, temos a responsabilidade que ninguém morreu por falta de atendimento e atendimento de qualidade”, disse Kalil.  

Reforçando a afirmação do prefeito, o secretário de saúde, Jacson Machado, relembrou que a liberação só pode ser feita uma vez em que a taxa de ocupação dos leitos de UTI está em fase de redução.

De acordo com ele, os espaços de terapia intensiva estão em 59,9%, e de enfermaria está em 49,2%. Já o índice total de contágio é de 1,1%.  

Além disso, o secretário reforçou que todo esse planejamento vem sendo elaborado com uma equipe especializada para garantir a saúde pública.  

“É esse comitê que embasa as decisões tomadas pela prefeitura durante a pandemia. Ele é formado por três médicos infectologistas – Carlos Starling, Estêvão Urbano e Unaí Tupinambás – e pelo secretário de Saúde”, garantiu o secretário. 

 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.