publicidade

Clientes da Caixa Econômica Federal com imóvel quitado poderão oferecer o bem como garantia, a partir da próxima segunda-feira (3), e receber um empréstimo de até 60% do valor da propriedade. A Caixa estima emprestar cerca de R$ 40 bilhões nos próximos anos com a criação dessa linha de crédito. 

Caixa libera empréstimo usando imóvel como garantia; valor será de 60% do bem
Caixa libera empréstimo usando imóvel como garantia; valor será de 60% do bem (Imagem: Reprodução Google)
publicidade

Desse modo, tanto imóveis residenciais quanto imóveis comerciais poderão ser oferecidos pelos clientes do banco como garantia para adquirir a linha de crédito.

Por isso, os clientes poderão ter um prazo de até 180 meses (15 anos) para poder quitar o financiamento. As taxas de juro poderão variar conforme o crédito disponibilizado. 

Sendo assim, os clientes do banco escolherão entre três tipos de ofertas de juros. São as taxas:

  • Fixa: com juros de 0,8% ao mês, para clientes com conta no banco;
  • Referencial: zerada, mais juros a partir de 0,7% ao mês;
  • IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) mais os juros a partir de 0,6% ao mês.

Aliás, os clientes da Caixa Econômica que optarem por juros corrigidos pelo IPCA poderão ter um empréstimo no valor de até 50% em relação ao bem. Além disso, nas outras opções de juros, o crédito poderá ser de até 60% em relação ao imóvel. 

Existe um simulador para contratação de empréstimo disponibilizado no site da Caixa. Já a contratação da linha é realizada nas agências do banco, além das correspondentes CAIXA Aqui.

Novas regras para contratação de crédito 

Recentemente o Banco Central informou que existem novas regras para permitir aos clientes contratarem operação de crédito. Ofertando assim garantia imóvel que esteja alienado fiduciariamente a uma operação de crédito, ligado ao banco através do meio de compartilhamento. 

Ademais, a Caixa Econômica Federal anunciou também que irá lançar uma segunda fase do programa de crédito, que terá assim condições que irão contemplar aceitação do imóvel com ônus como forma de garantia para novas operações, conforme as novas regras estipuladas pelo regulador. 

Aquisição de terrenos pela Caixa Econômica

Além disso, a Caixa Econômica também anunciou a redução da taxa de juros de empréstimos para clientes pessoas físicas que buscam comprar terrenos e construção de imóveis. Essa redução passará a valer a partir do dia 3 de agosto. 

Para financiamento de lote urbanizados, os clientes poderão financiar entre R$ 50 mil e R$ 1,5 milhão, com taxa de juros efetiva até TR + 8,5% ano. Incluindo, aliás, cota de financiamento que pode ir até 70% em relação ao valor de avaliação do lote. Com prazo de até 20 anos. 

Já para aquisição de terreno e construção em terreno próprio, serão ofertadas taxas de juros customizadas que poderão chegar a TR + 6,5% ao ano. Todas as modalidades estarão disponíveis nos correspondentes CAIXA Aqui e nas agências. 

Mariana Cristina Rocha dos Santos é formada em Comunicação Social – Jornalismo pela Universidade Federal do Espírito Santo. Possui experiência em comunicação interna e externa no Teatro Carlos Gomes, espaço histórico-cultural capixaba. Além de produção para televisão, com pautas para programa de entretenimento, chamadas televisivas, spot para rádios e mídias sociais na TV Gazeta (afiliada à Rede Globo). Atualmente dedica-se a redação portal FDR.