publicidade

A Caixa Econômica finaliza hoje, 31, os pagamentos da quarta parcela do auxílio emergencial do governo para os beneficiários do Bolsa Família. Nessa data, recebem os inscritos com NIS final 0.

Bolsa Família finaliza pagamento da 4ª parcela de R$600 nesta sexta-feira
Bolsa Família finaliza pagamento da 4ª parcela de R$600 nesta sexta-feira (Imagem: Reprodução/Google)
publicidade

O calendário de pagamentos do Bolsa Família é organizado com base no final do Número de Identificação Social (NIS). Sendo assim, os primeiros a receber foram os beneficiários com final do NIS 1. Os últimos a receber são aqueles com o NIS final 0.

Calendário da quarta parcela (Bolsa Família)

  • Final do NIS 1: 20 de julho
  • Final do NIS 2: 21 de julho
  • Final do NIS 3: 22 de julho
  • Final do NIS 4: 23 de julho
  • Final do NIS 5: 24 de julho
  • Final do NIS 6: 27 de julho
  • Final do NIS 7: 28 de julho
  • Final do NIS 8: 29 de julho
  • Final do NIS 9: 30 de julho
  • Final do NIS 0: 31 de julho

Quinta parcela

Como os pagamentos do auxilio para os beneficiários do Bolsa Família seguem o calendário oficial do programa, a quinta parcela começa a ser paga no dia 18 de agosto e termina em 31 do mesmo mês. Novamente os pagamentos serão de acordo com o digito final do NIS.

Calendário da quinta parcela (Bolsa Família)

  • Final do NIS 1: 18 de agosto
  • Final do NIS 2: 19 de agosto
  • Final do NIS 3: 20 de agosto
  • Final do NIS 4: 21 de agosto
  • Final do NIS 5: 24 de agosto
  • Final do NIS 6: 25 de agosto
  • Final do NIS 7: 26 de agosto
  • Final do NIS 8: 27 de agosto
  • Final do NIS 9: 28 de agosto
  • Final do NIS 0: 31 de agosto

Revisões nos cadastros continuam paralisados

As revisões cadastrais e os procedimentos operacionais do Bolsa Família e do Cadastro Único permanecem suspensos. A decisão foi tomada com intuito de evitar aglomerações de pessoas e aumentar o risco de contágio pelo novo coronavírus. A prorrogação tem um prazo de seis meses.

Desta forma, permanecem suspensos os processos como averiguação cadastral, revisão cadastral e a aplicação das ações de bloqueio, suspensão e cancelamento de benefícios financeiros, por motivos de descumprimento das regras de gestão de benefícios do Bolsa Família.

O governo ainda diz que a operação do Bolsa Família e do Cadastro Único está desfalcada por situações ligadas a pandemia como suspensão de aulas, direcionamento de unidades de saúde para atender aos infectados pela Covid-19, e pelo fechamento dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e outros locais de cadastramento.

Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.