Agências do INSS em Sergipe iniciam atendimento “drive thru” nesta segunda-feira (27)

INSS segue reformulando suas normas de funcionamento mediante a permanência do novo coronavírus. A partir desta segunda-feira (27), os aposentados e pensionistas de Sergipe contarão com um sistema drive thru na hora de resolverem suas pendências. O novo modelo foi adotado pelo instituto como uma forma de evitar a contaminação do covid-19 e deverá ficar em atuação ao longo das próximas semanas.   

publicidade
Agências do INSS em Sergipe iniciam atendimento
Agências do INSS em Sergipe iniciam atendimento “drive thru” nesta segunda-feira (27) (Imagem: Reprodução – Google)
publicidade

Mediante a proliferação do novo coronavírus, o INSS precisou minimizar a recepção de pessoas em suas unidades e até mesmo paralisar totalmente os atendimentos presenciais. No entanto, a partir dos próximos dias alguns serviços voltarão a funcionar com um regime específico 

Quem for recepcionado pelo drive thru, deverá apresentar toda a documentação de identificação e ter feito um agendamento prévio informando o serviço que precisará realizar.

A nova modalidade foi intitulada pelo próprio INSS como ‘Cumprimento Expresso de Exigência’ impedirá que os cidadãos tenham contato físico com o servidor.  

Além de Sergipe, todas as demais capitais do Nordeste irão adotar a programação, para minimizar o número de conclusão de processos pendentes até que a pandemia seja contida.  

Como ser atendido do drive thru do INSS 

Para poder verificar suas burocracias em falta, o cidadão deve consultar os canais remotos do INSS, como o telefone 135 ou então o app Meu INSS.

Caso identifique alguma atividade de caráter emergencial que precise ser feita, ele deve ir até uma agência com o drive thru, das 7h até às 13h, levando cópias dos documentos que estão em falta para a regularização de seus benefícios.  

Antes de entrar os dados, o segurado receberá um formulário, onde precisará preencher, assinar e colocar no mesmo envelope sua documentação.

Feito isso, basta depositar na urna que está do lado de fora das unidades e colocar nela os seguintes informes de identificação:  

  • Nome completo do segurado; 
  • CPF do segurado; 
  • Endereço completo com CEP; 
  • Número do telefone do segurado com o DDD, ou telefone para recado com o nome de quem o receberá; 
  • Endereço de e-mail, se tiver; 
  • Data em que o envelope está sendo deixado na agência. 

Depois de entregar, basta acompanhar o andamento do processo pelo Meu INSS ou pelo 135.  

 

Eduarda AndradeEduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco e formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguagens. No mercado de trabalho, já passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de ter assessorado marcas nacionais como a Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.