FGTS emergencial termina calendário de depósitos em setembro; saiba quando vai receber

PONTOS CHAVES

  • Depósitos do FGTS emergencial no Caixa TEM são encerrados em setembro
  • Beneficiários poderão receber de duas formas
  • Consulta deve ser feita por meio das ferramentas digitais

Pagamento do FGTS emergencial cumpre calendário de depósitos até o mês de setembro. Os trabalhadores que estão com saldo presente em seus fundos de garantia deverão receber, ao longo dos próximos meses, o valor de R$ 1.045. A liberação faz parte de um projeto de contenção de crise econômica do novo coronavírus, administrado pelo governo federal. 

FGTS emergencial termina calendário de depósitos em setembro; saiba quando vai receber (Imagem: Reprodução - Google)
FGTS emergencial termina calendário de depósitos em setembro; saiba quando vai receber (Imagem: Reprodução – Google)

O saque emergencial é um benefício criado pelo governo do presidente Jair Bolsonaro para poder minimizar os efeitos da pandemia. Mediante um cenário de desemprego e instabilidade financeira, os brasileiros que já atuaram ou atuam de carteira assinada terão o direito de fazer retiradas de R$ 1.045 em suas contas.  

Quem tem direito ao saque emergencial? 

Poderá gozar da quantia todos aqueles com contas ativas (trabalhos atuais) ou inativas (trabalhos já encerrados) que apresentem saldo positivo em seu fundo. Por ser um benefício emergencial, o governo não solicitou tempo mínimo de cadastramento para poder ter acesso.  

Dessa forma, qualquer trabalhador que tenha carteira de trabalho poderá fazer a retirada. No entanto é preciso ficar atento ao saldo.  

Valores do FGTS  

O pagamento total será de R$ 1.045, mas ele poderá ser redistribuído através das contas. Digamos que na conta ativa você só tenha R$ 500, nas inativas será possível solicitar os R$ 545 restante.  

É importante lembrar que, se aceitar receber o saque emergencial, o cidadão terá o valor descontado de seu fundo. Diferentemente de outros benefícios como o abono salarial, a modalidade é financiada exclusivamente pelo FGTS o que implica no acúmulo total contabilizado mediante o tempo de trabalho.  

Como consultar o saldo  

Quem estiver em dúvida sobre os valores e se tem direito ou não, basta fazer uma consulta por meio do aplicativo do FGTS. O login de acesso se dá mediante ao fornecimento da data de nascimento, número do CPF e NIS. É possível também se informar no site da Caixa, repassando os mesmos dados acima.  

FGTS emergencial termina calendário de depósitos em setembro; saiba quando vai receber (Imagem: Reprodução – Google)

Formas de pagamento 

Inicialmente, o pagamento do saque emergencial acontecerá através da poupança digital da Caixa. O valor deverá ser depositado e acessado pelo Caixa Tem. Na plataforma, o segurado poderá quitar boletos e fazer compras online, mas ficará impossibilitado de fazer saques. 

Após um período de aproximadamente 30 dias o benefício ficará disponível para retirada nos bancos. Conforme mostra o calendário abaixo, o trabalhador deverá ir até uma agência da Caixa Econômica ou então solicitar a transferência para uma conta bancária de sua titularidade também pelo Caixa Tem.  

Acompanhe o calendário oficial para saque do FGTS emergencial 

Mês de nascimento  Crédito em conta  Saque ou transferência 
Janeiro  29 de junho  25 de julho 
Fevereiro  6 de julho  8 de agosto 
Março  13 de julho  22 de agosto 
Abril  20 de julho  5 de setembro 
Maio  27 de julho  19 de setembro 
Junho  3 de agosto  3 de outubro 
Julho  10 de agosto  17 de outubro 
Agosto  24 de agosto  17 de outubro 
Setembro  31 de agosto  31 de outubro 
Outubro  8 de setembro  31 de outubro 
Novembro  14 de setembro  14 de novembro 
Dezembro  21 de setembro  14 de novembro 

 

Antecipação do saque emergencial 

Para quem não quiser esperar o período de saque, há uma possibilidade de antecipação mediante as plataformas de fintechs como o Nubank, Picpcay ou PagSeguro. Nesse caso, basta gerar um boleto com o valor que deseja utilizar e transferi-lo para o Caixa Tem. 

Ao pagar o carnê, quantia é depositada na conta da fintech e pode ser retirada em qualquer caixa eletrônico. O prazo de transferência é de 24 horas e o pagamento é administrado pela Caixa Econômica Federal.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.