publicidade

O pagamento do auxílio emergencial do governo é organizado em dois calendários diferentes: um para o depósito em contas poupança da Caixa Econômica e outro para o saque em espécie. Desta forma, no primeiro momento, os beneficiários só podem movimentar seu dinheiro através do Caixa Tem. Porém se você deseja ter o dinheiro em mãos mais rapidamente, é possível transferir o valor para conta do Nubank.

Boleto Nubank antecipa pagamento do auxílio emergencial e FGTS; veja como usar
Boleto Nubank antecipa pagamento do auxílio emergencial e FGTS; veja como usar (Foto Google)
publicidade

Para ter acesso ao dinheiro do auxílio emergencial antecipadamente, será preciso gerar um boleto de depósito para sua conta Nubank e utilizar o aplicativo Caixa Tem para pagá-lo. Em um ou dois dias, você terá o valor disponível em sua conta Nubank e poderá sacar-lo.

Isto é possível, pois através do aplicativo Caixa Tem, o usuário está autorizado a realizar o pagamento de contas e boletos e ainda realizar compras.

Como gerar um boleto no app do Nubank?

Criar um boleto de depósito no Nubank é muito simples. Siga os passos abaixo:

  1. Ao abrir o aplicativo, basta abrir a tela da conta do Nubank ou tocar no botão “Depositar”, disponível nos atalhos, na parte inferior do aplicativo;
  2. Escolha a opção “Depositar por boleto”;
  3. O aplicativo irá perguntar qual o valor do boleto que você deseja gerar, que deve ser entre R$20 e R$15mil. Informe o valor que você deseja depositar na conta através do boleto e toque em “Confirmar”.

Prontinho, o boleto foi criado e sua data de vencimento será sempre para o próximo dia útil após a data da criação. Importante:  o boleto precisaria ser emitido em nome do titular da conta e só pode ser pago em benefício dele.

Antecipação no Mercado Pago, PicPay e PagSeguro

Nas demais plataformas como Mercado Pago, PicPay entre outras é possível gerar o boleto e pagá-lo também através do Caixa Tem, ou efetuar uma transferência, porém ela precisa ser feita através do cartão virtual criado dentro do app da Caixa.

Nesta transferência, o usuário deve usar o comando de “Adicionar dinheiro” ou “Cobrar” nos aplicativos de carteira digital. Automaticamente eles vão pedir os dados do cartão que será debitado, e o valor.

Escolha a quantia da operação, e informe os dados do cartão virtual gerado no Caixa TEM. O código de segurança é atualizado a cada nova operação por segurança.

Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.