BB: Veja como contratar empréstimo para empresas no Banco do Brasil

Em meio a pandemia provocada pelo novo coronavírus, diversas empresas estão enfrentando uma fase difícil. Neste sentido, o governo federal autorizou a criação do Pronampe que garante empréstimo para empresas. Banco do Brasil está entre as redes bancárias que oferecem o benefício.

BB: Veja como contratar empréstimo para empresas no Banco do Brasil (Reprodução/Internet)
BB: Veja como contratar empréstimo para empresas no Banco do Brasil (Reprodução/Internet)

De acordo com o banco, serão R$ 3,7 bilhões em empréstimos destinados para o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte. Segundo último balanço, mais de 45 mil empresas já solicitaram.

O processo de aquisição do benefício perpassa o atendimento de regras específicas. Mais de 1,5 mil contratos já foram aprovados com valor médio de empréstimos de R$ 46 mil. Entenda mais sobre as regras:

Podem contratar o benefício, Microempreendedores individuais (MEIs) com faturamento anual de até R$ 81 mil, Microempresas com faturamento de até R$ 360 mil e/ou Empresas de pequeno porte com faturamento de até R$ 4,8 milhões.

Para obter o benefício será necessário o site do Banco do Brasil e preencher as informações solicitadas. Após esta etapa, um gerente da região do solicitante irá entrar em contato via telefone para detalhar a oferta.

Com análise realizada, a empresa irá reunir as condições necessárias, poderá contratar o Pronampe, que será feita, a princípio, nas agências do BB. O valor do empréstimo não poderá ultrapassar até 30% da receita brutal anual da mesma no ano de 2019.

Já para empresas com menos de um ano de funcionamento, existe critério específico definido. O valor, por sua vez, será de até 50% do capital social ou até 30% da média do faturamento mensal.

Ao contratar, taxa de juros máxima praticada pelo banco é usada como base a de Selic, mais 1,25% ao ano. Sendo que atualmente, a taxa é de 2,25% ao ano. O início dos pagamentos pode ser negociado.

Uma vez que, clientes terão oito meses de carência e possibilidade de 28 meses para pagar as parcelas. Com isso, o prazo total para quitar o financiamento é de 36 meses. Mas para ter o benefício é importante garantir os seguintes pontos:

Manter o número de empregados ou até contratar mais funcionários. Porém, pode haver demissões, desde que os mesmos sejam substituídos. Caso norma seja descumprida, todas as parcelas que ainda estão para vencer serão cobradas pela instituição que fez o empréstimo.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.