Belém anuncia volta às aulas em julho; saiba como vai funcionar!

Nesta quarta-feira (3), o prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho anunciou que as atividades na rede municipal de ensino devem voltar a partir do dia 16 de julho. Essa medida faz parte do processo de reabertura das atividades não essenciais, neste período de pandemia causada pelo coronavírus. 

Belém anuncia volta às aulas em julho; saiba como funcionará
Belém anuncia volta às aulas em julho; saiba como funcionará (Foto: Google)

Apesar disso, de acordo com o prefeito essa reabertura das escolas ainda vai depender de estudos que serão realizados pela prefeitura. Já que embora as crianças não estejam dentro do grupo de risco, elas podem transmitir o vírus para seus pais, avós e familiares. 

Na última sexta-feira (29), o governo anunciou o plano de retorno da economia no estado. No projeto, as regiões metropolitana de Belém, parte do Marajó e a região do Araguaia já poderem abrir shoppings centers, igrejas, salões de beleza e comércio varejista.

Na última segunda (1), o prefeito publicou uma decreto que autoriza o retorno de algumas atividades.

Conforme o documento, podem funcionar concessionárias, escritórios, comércios de rua, construção civil e igrejas. Apesar disso, os shoppings centers e salões de beleza seguem fechados.

Reabertura de shoppings e salões de beleza em Belém 

No domingo (31), o prefeito divulgou em suas redes sociais que shoppings centers e salões de beleza estão programados para reabrirem, a partir dessa quinta-feira (4).

Apesar disso, ainda são recomendados o uso de máscaras e o isolamento social, principalmente das pessoas do grupo de risco, para evitar uma nova onda de contaminação na capital.

Ontem, Zenaldo voltou a falar sobre a reabertura desses setores. De acordo com ele, esse decreto municipal que concede o aval para a abertura dos comércios está pronto, mas precisa que o governo se posicione para que possa publicá-lo.

“Estamos com o decreto prontinho para publicar autorizando a abertura de shoppings e salões de beleza, mas dependemos do governo do Pará. Precisamos da garantia de leitos para internação, da parte do Governo. Já solicitamos essa informação por duas vezes e até agora não chegou”, detalhou.

Se os shoppings voltarem a funcionar, o prefeito informou que apenas as lojas poderão abrir. Praças de alimentação, cinemas e áreas de lazer devem permanecer fechadas.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.