Niterói começa a reabertura da cidade a partir desta quinta-feira; saiba o que volta!

Após período crítico, algumas cidades começam a flexibilizar o isolamento social. Nesta quinta-feira (21), os moradores de Niterói, região metropolitana do Rio de Janeiro, poderão voltar a circular por calçadões e demais espaços públicos. Para um primeiro momento, a prefeitura local elaborou um plano de ação no qual permitirá caminhadas e realizações de outras atividades físicas para idosos e população mais jovem. A liberação ocorrerá em um esquema de rodízio, no qual você pode conferir mais abaixo.  

publicidade
Niterói começa a reabertura da cidade a partir desta quinta-feira; saiba o que volta! (Imagem: Reprodução - Google)
Niterói começa a reabertura da cidade a partir desta quinta-feira; saiba o que volta! (Imagem: Reprodução – Google)
publicidade

De acordo com o prefeito, Rodrigo Neves, os moradores terão horários específicos para fazer passeios nas praias e calçadões. Em suas redes sociais, o gestor explicou que serão permitidas caminhadas diárias das 6h às 9h e das 16h às 20h. Nesse período, estarão permitidos apenas esportes físicos individuais 

Para os idosos, o horário será diferente e está marcado das 9h às 11h. Eles poderão caminhar pela Orla e frequentar o mar, desde que não estejam acompanhados e não formulem aglomerações ao seu entorno.  

Quanto ao uso de máscara, este seguirá obrigatório para todos. Aqueles que descumprirem o decreto pagarão uma multa de R$ 180 que poderá ser acumulativa em caso de repetição. Segundo o prefeito, as ações são as primeiras para marcar a retomada das atividades que deverão acontecer de forma lenta.  

Shopping permanecem fechados em Niterói 

Questionado sobre a abertura de estabelecimentos como bares, shoppings e demais centros de compra, a prefeitura informou que deverão permanecer fechados.

Os restaurantes poderão realizar seus serviços apenas por meio do sistema de delivery e não há previsão de retorno, de acordo com Rodrigo Neves.  

“Tão cedo não teremos atividades em ambientes fechados como teatros e cinemas”, afirmou.  

Cidade com sinalização de alerta 

Por fim, a região contará também com um sistema de informes sobre as taxas de transmissão da doença, índice de letalidade e retaguarda de leitos livres na cidade.

Para isso, haverá sinalizações feitas por cores, sendo a preta o descontrole total da pandemia; vermelho, muito grave; laranja, estado de atenção; amarelo, alerta; e verde, normalidade.  

De acordo com o prefeito, neste momento a cidade está em situação de alerta (amarela).  

“Até que tenhamos a vacina vamos ter de aprender a conviver com esta situação inusitada que vai exigir de nós uma disciplina em uma mudança de hábitos”, finalizou.  

Eduarda AndradeEduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco e formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguagens. No mercado de trabalho, já passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de ter assessorado marcas nacionais como a Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.