Spotify vai pagar R$400 por quatro meses para ESSE grupo de usuários

Durante a pandemia do novo coronavírus, as empresas públicas e privadas estão dando início a programas que podem auxiliar os brasileiros em suas mais distintas áreas. Os impactos da crise são extensos e abrange setores da economia, inclusive de entretenimento. Pensando nisso, na quarta-feira (29) foi anunciada mais uma ajuda aos artistas. A União Brasileira de Compositores (UBC) e o Spotify lançaram o fundo “Juntos Pela Música”.

Spotify vai pagar R$400 por quatro meses para ESSE grupo de usuários (Reprodução/Internet)
Spotify vai pagar R$400 por quatro meses para ESSE grupo de usuários (Reprodução/Internet)

Sem shows, profissionais da música também são impactados de forma negativa com o cancelamento ou adiamento de eventos programados para o período. A crise provocou uma paralisação completa no setor de eventos.

De acordo com comunicado enviado à imprensa pela equipe do Spotify, o fundo “Juntos pela Música” é composto por R$ 1 milhão, sendo doado de forma igualitária entre os componentes do projeto. A ajuda será repassada para artistas com dificuldades financeiras.

O valor será de R$ 400 e entregue em quatro parcelas mensais. Para solicitar o benefício é necessário que o interessado seja filiado à UBC, seja pessoas físicas e microempreendedores individuais.

A ajuda visa os artistas musicais afetados pela proibição da realização de eventos, que estancou quase por inteira a fonte de renda de milhares de pessoas. Principalmente aqueles que não possuem abrangência nacional, mas que costumam se apresentar e bares, restaurantes, casamentos e eventos corporativos.

O cadastro pode ser realizado pelo pelo site da campanha. Ao entrar, interessado deverá preencher dados pessoais, como o nome completo e CPF, além de responder a um questionário justificando a necessidade do auxílio.

Além deste requisito, o profissional deverá também ter recebido um mínimo de R$ 800 e um máximo de R$ 12 mil da UBC em direitos autorais em 2019 e ter filiação de no mínimo um ano com à UBC.

Até o momento, mais de 140 artistas já receberam a primeira parcela do auxílio. Em números gerais, mais de 800 já se cadastraram solicitando acesso ao programa, que dependerá das doações do público para chegar a mais artistas em situação de vulnerabilidade.

Grandes músicos estão usando o período de quarentena para produzir as chamadas lives, shows ao vivo transmitidos por plataformas na internet. No YouTube, por exemplo, o dono do canal recebe por visualização, por isso, não há prejuízos desastrosos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.