Bancos preparam novidades para diminuir impacto econômico na pandemia

Diversas medidas estão sendo tomadas por empresas para facilitar a vida dos brasileiros durante a pandemia do novo coronavírus. Neste sentido, bancos por todo o país anunciaram medidas que incluem prorrogação de dívidas e renegociamento.

Bancos preparam novidades para diminuir impacto econômico na pandemia (Reprodução/Internet)
Bancos preparam novidades para diminuir impacto econômico na pandemia (Reprodução/Internet)

As ações estão sendo tomadas para tentar reduzir impactos no bolso dos clientes durante a crise. As principais instituições financeiras divulgaram por meio de comunicado quais são as novidades para pessoas físicas; confira:

O Banco do Brasil incluiu a covid-19 na cobertura de morte dos seguros vida e prestamista, sem qualquer alteração nos custos para seus clientes.

Além deste ponto, adotou opção de “pula parcelas” para produtos do seu portfólio durante o período de maior impacto das medidas de contenção.

A carência para pagamentos também foi atualizada. Agora, clientes tem de 60 a 180 dias para pagamentos das primeiras parcelas em novas operações de crédito.

Já para os crédito salário é oferecido um maior número de pagamentos, chegando a 96 meses e 72 no crédito automático.

O atendimento também teve alterações, sendo oferecido de forma exclusiva para idosos em horários específicos. Além disto, foi priorizado atendimento de serviços essenciais e do público de maior risco.

Santander também entrou nas ações. Desta forma, ofereceu para profissionais da saúde um desconto de 40% no seguro saúde sem carência. 12% de desconto também está sendo oferecido para compras online em farmácias parceiras do programa Esfera.

Todos os clientes tiveram o aumento de 10% no seu limite de cartão de crédito. Ainda há a prorrogação do pagamentos de diversos produtos, com prazo de até 60 dias de forma automática.

Medida é válida para prestações vencidas a partir de 16 de março. A solicitação do adiantamento deve ser realizada através do site do banco. Faturas de cartão de crédito também tiveram modificações.

Agora, as faturas que vencem a partir de 15 de abril poderá ser dividida em até 24 vezes, com desconto de 50% na taxa e até 60 dias de carência. Compra de veículos e imóveis tiveram financiamentos com condições especiais.

Já no Itaú, parcelas de empréstimos estão sendo prorrogadas em até 120 dias. Os contratos também podem ser prolongados por até seis anos. Medida está disponível para linhas de empréstimo pessoal, cheque especial, crédito imobiliário, cartões de crédito e financiamento de veículos.

Por fim, o Bradesco também realizou a prorrogação de dívidas, dando até 60 dias para o pagamento dos empréstimos de: crédito pessoal sem garantia (exceto antecipações e crédito universitário); crédito parcelado.

Além destes, parcelamento de cheque especial, reorganização financeira e microcrédito produtivo orientado também entram no pacote de medidas disponível para os clientes aderirem.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

REDAÇÃO
Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do FDR.com.br traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.