Qual maquininha de cartão vai trazer o melhor benefício para meu negócio?

Qual maquininha de cartão vai trazer o melhor benefício para meu negócio? No mercado financeiro, é possível encontrar diversos modelos disponíveis. Por isso, pode parecer difícil escolher a maquininha ideal. Para te ajudar, descubra uma recomendação de modelos para variados tipos de empreendimentos.

Qual maquininha de cartão vai trazer o melhor benefício para meu negócio?
Qual maquininha de cartão vai trazer o melhor benefício para meu negócio? (Imagem: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

No momento de escolher uma maquininha de cartão, alguns fatores podem ser considerados. Para cada tipo de negócio, a maquininha mais recomendada pode ser diferente de outro.

Por exemplo, para um profissional autônomo, uma maquininha portátil pode ser a ideal. No caso de um estabelecimento físico, uma maquininha completa de balcão poderá atender melhor às necessidades variadas. Assim, confira uma recomendação de maquininha recomenda para esses negócios.

Qual maquininha de cartão vai trazer o melhor benefício para meu negócio autônomo?

Para um empreendimento autônomo, que, em muitos casos, exige mais praticidade, a maquininha recomendada é a SafraPay sem Bobina 3G. Como forma de tornar o uso mais prático, essa ferramenta conta com chip e plano de dados. Além do 3G, a conexão também pode ser via Wi-Fi.

São 24 bandeiras aceitas, incluindo vouchers. As vendas também podem ser feitas por meio de um link de pagamento. Após a transação, o comprovante pode ser enviado por SMS. O recebimento do dinheiro pode ser em qualquer banco.

Um grande diferencial dessa maquininha são as taxas. Para vendas no Mastercard e Visa, por exemplo, as taxas no débito são de 1,48%. Para o crédito à vista nessas bandeiras, as taxas são: 2,95% (recebimento em 1 dia), 2,93% (recebimento em 30 dias) e 2,92% (sem antecipação).

Outro destaque deste produto é a aceitação de QR Code. Por conta da popularização deste método de pagamento, em meio à grande adesão do Caixa Tem, essa característica poderá tornar o empreendimento autônomo mais abrangente. O sistema Pix também é aceito nesta maquininha.

Qual maquininha de cartão vai trazer o melhor benefício para meu negócio?
Qual maquininha de cartão vai trazer o melhor benefício para meu negócio? (Imagem: Divulgação/SafraPay)

Qual maquininha de cartão vai trazer o melhor benefício para meu negócio físico?

Para um empreendimento físico, uma maquininha de balcão recomendada é a Moderninha Pro, do PagSeguro. Essa ferramenta possui grande indicação para empreendimentos com um movimento intenso de clientes. Ela possui chip e plano de dados grátis.

A Moderninha Pro pode ser compartilhada com até seis pessoas, e aceita as principais bandeiras de cartão de crédito, débito e voucher do mercado. A maquininha ainda recebe pagamentos por aproximação e QR Code. Após a venda, será possível enviar o comprovante por SMS e impresso.

Por meio do aplicativo PagVendas, será possível controlar as vendas, estoque e na gestão do cliente. O app possibilita salvar informações, como aniversário e histórico de compras, para realizar promoções e outras ativações.

As vendas no débito, por exemplo, — com recebimento na hora —, a taxa é de 1,99% à vista por 1 ano. No caso do crédito à vista, conforme os prazos de recebimento, as taxas são: 4,99% (recebimento na hora), 3,99% (recebimento em 14 dias) e 3,14% (recebimento em 30 dias).

Já no caso dos vouchers, a taxa e prazo de recebimento dependem de negociação com a bandeira.

Vale ressaltar que a maquininha ainda permite acesso ao PagBank, um banco completo e grátis. Com essa plataforma, será possível pagar contas e boletos pelo celular, fazer e receber pagamentos com o Pix, entre outras funcionalidades.

Considerações finais

Independentemente dessas recomendações de maquininha, a opção que trará mais benefício pode não ser, necessariamente, a mesma. Além do tipo de empreendimento, outras especificidades podem fazer com que a opção ideal seja diferente.

Por exemplo, se os clientes exigem o comprovante físico, a maquininha sem bobina se torna menos recomendável, por mais que tenha um bom custo-benefício e mais mobilidade.

Em outro cenário, caso a pessoa tenha menos condições financeiras, uma máquina de cartão mais barata — mas que aceita diversas bandeiras e possui taxas competitivas — também pode ter grande indicação.

De forma geral, é recomendável analisar quais são as características exigidas pelos clientes do respectivo empreendimento. Com isso, a busca pela opção ideal, no mercado financeiro, será mais assertiva.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4
Total de Votos: 1

Qual maquininha de cartão vai trazer o melhor benefício para meu negócio?

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Lila Cunha
Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). É editora-chefe do portal FDR, responsável por selecionar as informações abordadas e garantir o padrão de qualidade das notícias veiculadas.