Pesquisa revela o que brasileiros querem fazer com o FGTS para saírem do vermelho e pularem de alegria

Segundo pesquisa da ABBC e Zetta, a maioria dos trabalhadores elegíveis ao saque-aniversário do FGTS deseja ter liberdade para decidir quando usar os recursos do fundo. 

Pesquisa revela o que brasileiros querem fazer com o FGTS para saírem do vermelho e pularem de alegria. Imagem: Jeane de Oliveira/FDR

Realizada com mais de 6,5 mil pessoas em março, a pesquisa revelou que 70% dos entrevistados ficariam insatisfeitos caso essa opção seja encerrada. Essa modalidade de saque do FGTS tem se mostrado significativa para a população, demonstrando a importância da flexibilidade no acesso aos recursos do fundo para os trabalhadores. 

Os resultados da pesquisa indicam uma forte preferência por essa liberdade de escolha entre os beneficiários do saque-aniversário. De acordo com os dados, mais de 80% dos entrevistados desejam ter autonomia para utilizar os recursos do FGTS de acordo com sua conveniência. 

Isso demonstra uma forte demanda por flexibilidade no uso desses fundos por parte dos trabalhadores. Outro aspecto destacado é que 90% dos entrevistados consideram importante ou muito importante a possibilidade de acessar crédito emergencial através da antecipação do saque-aniversário do FGTS, sem comprometer sua renda mensal. 

Abaixo eu te explico mais detalhes sobre o possível fim do saque-aniversário do FGTS. Já neste link, eu te ensino como solicitar a modalidade e te apresento o calendário de pagamentos para 2024.

Ministro quer fim do saque do FGTS

Luiz Marinho, ministro do Trabalho, propôs em fevereiro ao Congresso Nacional o fim do FGTS, destacando sua utilização para fins de financiamento. Essa proposta gera incertezas sobre o futuro do fundo.

O FGTS, originalmente concebido como garantia ao trabalhador, tem sido desviado de sua função primordial, que é proporcionar segurança social e investimento em habitação e saneamento. A possibilidade de extinção preocupa diversos setores da sociedade.

Em janeiro, o saque-aniversário do FGTS atingiu um recorde de 2,2 milhões de saques, totalizando R$ 1,1 bilhão. No entanto, ao escolher essa modalidade, o trabalhador pode perder o direito de sacar toda sua conta em caso de demissão sem justa causa.

Mais de 45% dos beneficiários usaram o valor do saque para quitar dívidas atrasadas, como contas de luz, água, gás e outros boletos. A antecipação do saque tem sido crucial para pessoas em dificuldades financeiras, especialmente para os 85% que estavam negativados.

A maioria dos entrevistados considera o FGTS como uma reserva para emergências, com quase 9 em cada 10 concordando com essa afirmação. Cerca de 86% dos clientes que optaram pelo empréstimo do saque-aniversário do FGTS afirmaram que o fariam novamente no futuro.

Outros dados revelam que os entrevistados percebem as taxas de juros desse tipo de empréstimo como mais baixas em comparação com outras modalidades, e destacam a atratividade de não ter parcelas mensais.

Entenda o saque do FGTS

A modalidade de saque do FGTS para aniversariantes foi criada em 2019 e permite que o trabalhador possa sacar parte do seu saldo no Fundo de Garantia por Tempo de Serviço uma vez por ano, no mês do seu aniversário.

Mas, se for demitido, perde o direito de resgatar o valor total da conta do FGTS. Poderá sacar apenas o valor da multa rescisória de 40%. Abaixo você confere todas as regras, condições e calendário de saque. 

No momento, o saque-aniversário do FGTS é liberado aos trabalhadores que fazem aniversário em março. O prazo final para este grupo aderir a esta modalidade e ter direito ao resgate dos valores ainda neste mês é até o próximo dia 29.

Quais são as regras de saque do FGTS?

O trabalhador deve cumprir as regras gerais do programa para fazer o resgate no mês de aniversário. Depois, é importante ter o conhecimento do saldo depositado em conta. É importante estar ciente de que, este modelo impede o trabalhador de realizar o saque rescisório do FGTS mesmo se ele for demitido sem justa causa. 

Isso porque, o prazo de vigência do saque-aniversário pelo FGTS é de dois anos, período no qual ele fica impossibilitado de efetivar uma nova troca no modelo de resgate. Mas ainda assim, em caso de demissão sem justa causa, o trabalhador que optou pelo saque-aniversário continua tendo direito à multa rescisória de 40% sobre o valor depositado no fundo.

Como solicitar o saque-aniversário do FGTS?

Quem tiver interesse em passar a se beneficiar do saque-aniversário do FGTS precisa:

  • Fazer o download do aplicativo do FGTS;

  • Fazer login com a conta vinculada à Caixa;

  • Selecionar a opção “Saque Aniveresário”.Ao efetivar a escolha por este modelo de saque, é preciso permanecer vinculado a ele durante o período mínimo de 24 meses.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.