Beneficiários do BPC ganham dinheiro extra em ABRIL; confira se você tem direito

Milhões de beneficiários do BPC chegarão ao mês de abril com uma notícia boa: dinheiro extra! A Caixa Econômica fará o pagamento da segunda parcela do auxílio gás, benefício que ajuda pessoas de baixa renda na compra do gás de cozinha.

Beneficiários do BPC ganham dinheiro extra em ABRIL; confira
se você tem direito. (Imagem: FDR)

Com o valor do benefício, aqueles que recebem BPC podem adquirir o botijão de gás de cozinha de 13kg de forma mais acessível. O valor varia e é baseado no preço médio do botijão no momento em que ele for pago. Para determinar o valor, a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) faz um balanço da média de preços dos seis meses anteriores ao pagamento.

Nossa especialista Lila Cunha explica mais sobre o BPC, confira.

Pagamento do auxílio-gás

O pagamento do auxílio-gás é feito a cada dois meses. O primeiro pagamento feito pelo governo em 2024 foi no mês de fevereiro, com isso, no mês de abril será feito o segundo pagamento aos beneficiários

O calendário de pagamento segue os mesmos dias de pagamento do Bolsa Família, ou seja, na ordem do último dígito do NIS (Número de Identificação Social) de cada pessoa que está recebendo o benefício.

Quem tem direito ao Auxílio-gás

Para receber o Auxílio-gás é preciso seguir esses critérios:

  • Ser inscrito no Cadastro Único (CadÚnico);
  • Possuir renda familiar de até meio salário mínimo (R$ 606), ou renda familiar total igual ou inferior a três salários mínimos;
  • Ter algum membro da família recebendo o BPC (Benefício de Prestação Continuada);
  • O programa também dá prioridade aos benefícios de acordo com base em critérios como atualização no CadÚnico nos últimos dois anos, menor renda, maior quantidade de integrantes na família, participação no Auxílio Brasil.

Quem tem direito ao BPC?

O BPC é um benefício pago pelo INSS a pessoas que atendem a três tipos de requisitos, são eles:

  • Idade mínima de 65 anos para idosos;
  • Renda familiar inferior a ¼ do salário mínimo;
  • Para pessoas com deficiência, é necessário comprovar incapacidade para a vida independente e para o trabalho, além de renda familiar também inferior a ¼ do salário mínimo.

O BPC não é uma aposentadoria, já que para receber, não é necessário contribuir com o INSS. Além disso, o benefício também tem outra diferença de outros benefícios previdenciários, pois não paga décimo terceiro e não tem pensão por morte.

 

Yasmin Nascimento
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco (UNICAP) com MBA em Digital Strategy, também pela Unicap. Com experiência em redação e redes sociais.