Aumento de 25% na aposentadoria do INSS pode ser solicitado ONLINE; veja como

Pontos-chave
  • Aposentados do INSS têm direito de receber 25% a mais do valor do seu salário;
  • Inclusive quem ganha benefício igual ao teto pode solicitar o acréscimo;
  • Vale para quem está incapaz de praticar atividades cotidianas.

Algumas pessoas têm o direito de solicitar o adicional de 25% no valor da sua aposentadoria do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). Isso significa que além do pagamento previdenciário, esse grupo recebe uma quantia bônus. O pedido pode ser feito online com ao encaminhar alguns documentos.

Aumento de 25% na aposentadoria do INSS pode ser solicitado ONLINE; veja como
Aumento de 25% na aposentadoria do INSS pode ser solicitado ONLINE; veja como (Imagem: FDR)

O acréscimo de 25% é concedido para quem recebe aposentadoria do INSS por invalidez. Formalmente chamada de Benefício por Incapacidade Permanente, o salário é concedido quando o cidadão não tem mais condições físicas ou mentais de continuar trabalhando. A partir disso, pode se aposentar.

Esta é a única aposentadoria que não estabelece idade mínima, porque muitas vezes é concedida após algum tipo de fatalidade. Por exemplo, após um acidente que tornou aquele trabalhador incapaz de exercer suas atividades. Embora também seja possível receber esse benefício por causas naturais.

Como, ao ser acometido por uma doença que o deixou acamado. Seja como for, esse tipo de aposentadoria do INSS é sempre muito delicada, porque tem haver com o estado de saúde do cidadão. Se não puder ser alocado dentro da empresa que trabalhava, mesmo que em outra função, é obrigatório se aposentar.

A partir disso a cada dois anos é necessário passar por uma nova perícia médica, a fim de comprovar que continua incapaz. Caso seu estado de saúde melhore a aposentadoria é cortada. Mas, caso piore é possível solicitar um adicional de 25% do valor pago para fins de compensação de custos.

Adicional de 25% na aposentadoria do INSS

Nos casos em que o titular da aposentadoria depende de assistência permanente de outra pessoa, como um cuidador, para realizar suas atividades cotidianas como, por exemplo, tomar banho, se locomover, se alimentar, entre outras, há chances de aumentar o valor recebido

Para isso, deve ser solicitado o adicional de 25% na aposentadoria do INSS. O pagamento que pode aumentar o benefício recebido somente será pago para a pessoa já aposentada ou em avaliação para aposentadoria por invalidez que tiver uma ou mais das seguintes doenças:

  • Cegueira total;
  • Perda de nove ou mais dedos das mãos;
  • Paralisia dos dois braços ou pernas;
  • Perda das pernas, quando a prótese for impossível;
  • Perda de uma das mãos e de dois pés, ainda que a prótese seja possível;
  • Perda de um braço e uma perna, quando a prótese for impossível;
  • Alteração das faculdades mentais com grave perturbação da vida orgânica e social, ou seja, dificuldade em organizar o pensamento, o raciocínio e a tomada de decisões para fazer as atividades de vida diária e sociais sozinho;
  • Doença que deixe a pessoa acamada;
  • Incapacidade permanente para as atividades da vida diária.

Será obrigatório passar por perícia médica comprovando a necessidade de um cuidador ou acompanhante remunerado. Até mesmo quem recebe salário igual ao teto pode pedir pelo acréscimo.

Documentos necessários para pedir adicional de 25% na aposentadoria do INSS

Será preciso comprovar durante a perícia médica e no pedido de bônus na aposentadoria do INSS, que o cidadão realmente necessita de um cuidador. E ainda, que o cuidador precisa ser um profissional que gerará custos a família.

Quer dizer, se os cuidados necessários puderem ser realizados por um membro da família o perito vai entender que não há necessidade de pagar alguém para realizar esse serviço.

Por exemplo, o aposentado não consegue tomar banho sozinho, mas se alimenta, troca de roupa, se comunica e faz outras atividades. Neste caso, o perito pode entender que não há necessidade de ajuda remunerada.

A documentação exigida incluí:

  • Documentos pessoais originais do interessado com foto (RG, CNH ou CTPS);
  • Documentos médicos originais (atestado, laudo ou relatório);
  • Procuração ou termo de representação legal (tutela, curatela, termo de guarda), se houver;
  • Documento de identificação com foto (RG, CNH ou CTPS) e CPF do procurador ou representante, se houver.

Pedir adicional de 25% na aposentadoria por invalidez

Os interessados em fazer o pedido do adicional de 25% na aposentadoria do INSS podem solicitar online. O agendamento da perícia médica e o anexo dos primeiros documentos também acontecem de forma virtual.

  • Entre no Meu INSS e faça login pelo Gov.br;
  • Clique no botão “Novo Pedido”;
  • Digite “acréscimo de 25%”;
  • Na lista, clique no nome do serviço/benefício;
  • Leia o texto que aparece na tela e avance seguindo as instruções.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]