Isenção no pagamento da conta de luz? Nova oportunidade é lançada e surpreende os IDOSOS

Garantindo uma vida digna para os idosos brasileiros, o governo implementou uma iniciativa inovadora, proporcionando a chance de os idosos se livrarem da conta de luz.

Conta de luz mais cara; veja como conseguir descontos de até 65% na tarifa de energia
Isenção no pagamento da conta de luz? Nova oportunidade é lançada e surpreende os IDOSOS (Imagem/Montagem: FDR)

Nesse programa intitulado “2 anos sem conta”, uma parceria entre o governo e a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), os participantes têm a oportunidade de concorrer a um prêmio de R$ 5.000 em créditos na conta de luz.

Para participar é simples, basta:

  • Efetuar o pagamento da conta por PIX ou débito automático.
  • Optar pelo recebimento da conta via e-mail.
  • Baixar o App Cemig Atende e atualizar os dados.
  • Autorizar o recebimento da conta via QR Code PIX.

Ao seguir essas etapas, os participantes acumulam números da sorte para o sorteio, tornando-se elegíveis para a premiação.

Mais descontos na conta de luz

Além do programa de sorteios, existe uma alternativa que oferece descontos substanciais, variando de 65% a 100% nas contas de luz.

A Tarifa Social do governo concede esses benefícios a idosos que vivem em famílias de baixa renda (com renda familiar per capita de até meio salário mínimo) ou recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Como participar da Tarifa Social?

Os interessados em usufruir da Tarifa Social devem contatar o INSS por meio dos canais disponíveis, observando sempre os critérios de participação. Essa isenção na conta de luz possibilita direcionar os recursos economizados para outras necessidades essenciais, como medicamentos, alimentação ou simplesmente para desfrutar de mais conforto.

Diferentemente do programa de sorteio, a Tarifa Social não requer solicitação, sendo automaticamente aplicada pela empresa de energia elétrica. Os descontos são calculados de acordo com o consumo de energia da família, proporcionando reduções significativas:

  • Quilombolas e indígenas têm desconto de 100% até 50 KWh.
  • Consumo de 51 KWh a 100 KWh resulta em desconto de 40%.
  • De 101 KWh a 220 KWh, o desconto é de 10%.
  • Consumo acima de 221 KWh não possui desconto.

Ariel França
Sou produtor multimídia com mais de 10 anos de experiência. Formado em Jornalismo e pós-graduado em Direito Administrativo e Gestão Pública. Concentro-me em simplificar temas complexos, como finanças, gestão pública e administração, para torná-los acessíveis a todos os públicos. Acredito na importância de uma comunicação responsável e de alta qualidade em todas as mídias, mantendo-me atualizado constantemente para atender às demandas do mercado de forma competente.