Aposentadoria reajustada: veja como calcular o valor do salário pago em 2024

Pontos-chave
  • As aposentadoria receberam reajustes a partir de 3,71%;
  • O calendário desse mês vai até 7 de fevereiro;
  • É possível consultar o valor que será pago até dois dias antes do início do cronograma.

A partir desta quinta-feira (25) os segurados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) já começam a receber a aposentadoria reajustada. Todos os anos há mudanças nos valores pagos, essa é uma obrigação do poder público prevista na Constituição Federal. Esse é, porém, o menor reajuste em cinco anos. 

Aposentadoria reajustada: veja como calcular o valor do salário pago em 2024
Aposentadoria reajustada: veja como calcular o valor do salário pago em 2024 (Imagem: FDR)

Entre 25 de janeiro a 7 de fevereiro, 39 milhões de pessoas receberão benefícios do INSS. Grande parte delas vai perceber a sua aposentadoria reajustada. A Constituição garante o direito dos brasileiros em ter acesso ao aumento salarial, a fim de acompanhar a evolução de preços dos produtos e serviços.

Atualmente, 27,3 milhões de pessoas recebem até um salário mínimo, isso é, o piso do INSS, e 12 milhões ganham acima do piso nacional. Desse total, 5,7 são benefícios assistenciais, segundo dados da folha de pagamento de janeiro. Todos terão reajustes, mas usando diferentes índices.

Os segurados perceberão a aposentadoria reajustada com base na inflação do último ano, medida pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor). No entanto, como o resultado de 2023 foi baixo, o aumento salarial desse grupo também caiu. Foi o menor acréscimo em cinco anos. 

Reajustes do INSS em 2024

A partir desse mês os segurados já vão contar o seu benefício, pensão ou aposentadoria reajustada. Os valores, porém, vão depender do quanto o segurado recebe, se equivalente ao piso nacional ou tem acesso a um valor superior a esse.

Todos que ganham valores acima do piso terão acesso a reajustes baseados apenas na inflação. Ou seja, não terão aumento real, porque não ficou acima do resultado do INPC do último ano.

  • Piso do INSS: R$ 1.412,00 – 6,97% de reajuste comparado a 2023;
  • Salários acima do piso do INSS: 3,71% de reajuste comparado a 2023;
  • Teto do INSS: R$ 7.586,00 – 3,71% de aumento.

O aumento do piso é maior porque usa o mesmo valor do salário mínimo do país, onde aconteceu a troca do cálculo de valorização. A partir desse ano, além do INPC do ano anterior, também será considerado o resultado do PIB (Produto Interno Bruto) de dois anos atrás para chegar ao acréscimo final.

Tabela de reajuste no INSS escalonado

Nenhum benefício terá valor abaixo do piso, todos recebem a quantia mínima de R$ 1.412. No entanto, algumas pessoas que ganham acima do piso vão perceber a sua aposentadoria reajustada abaixo do índice de 3,71%. O motivo é que elas começaram a receber o seu salário a partir de fevereiro de 2023. 

Especificamente para esses casos o valor de aumento é menor, ele será baseado na inflação do mês de início do pagamento até o fim do ano passado. Os índices aplicados serão de:

  • Data do início do benefício/Reajuste %
  • Até janeiro de 2023: 3,71%;
  • Em fevereiro de 2023: 3,23%;
  • Em março de 2023: 2,44%;
  • Em abril de 2023: 1,79%;
  • Em maio de 2023:1,26%;
  • Em junho de 2023: 0,89%;
  • Em julho de 2023: 0,99%;
  • Em agosto de 2023: 1,08%;
  • Em setembro de 2023: 0,88%;
  • Em outubro de 2023: 0,77%;
  • Em novembro de 2023: 0,65%;
  • Em dezembro de 2023: 0,55%.

Consultar valor da aposentadoria reajustada

Para descobrir o valor da aposentadoria reajustada em 2024, os interessados poderão acessar os canais online. É possível descobrir o quanto será pago nesse ano, e a data de liberação do benefício no mês de janeiro. Sempre dois dias antes do início dos pagamentos essa informação é atualizada no portal.

  • Acesse o Meu INSS e faça login;
  • No menu de serviços procure por “Extratos”;
  • Agora escolha “Extrato de pagamentos”;
  • Filtre a busca pelo mês desejado, neste caso “Janeiro/2024”.

Também no extrato é possível consultar as contratações de empréstimo consignado que mudam o valor do benefício, já que o pagamento do crédito é descontado do salário.

Calendário da aposentadoria reajustada em janeiro

O INSS divide o calendário de pagamentos em dois grupos: quem recebe o piso, e quem tem acesso ao valor superior ao mínimo. Na primeira semana são beneficiados aqueles que têm os menores salários, e na segunda semana os dois grupos recebem juntos.

Até 1 salário mínimo:

  • Final 1: 25 de janeiro;
  • Final 2: 26 de janeiro;
  • Final 3: 29 de janeiro;
  • Final 4: 30 de janeiro;
  • Final 5: 31 de janeiro;
  • Final 6: 1 de fevereiro;
  • Final 7: 2 de fevereiro;
  • Final 8: 5 de fevereiro;
  • Final 9: 6 de fevereiro;
  • Final 0: 7 de fevereiro.

Acima do salário mínimo:

  • Finais 1 e 6: 1 de fevereiro;
  • Finais 2 e 7: 2 de fevereiro;
  • Finais 3 e 8: 5 de fevereiro;
  • Finais 4 e 9: 6 de fevereiro;
  • Finais 5 e 0: 7 de fevereiro.

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]