Novo RG tem data e como fazer agendamento para emissão divulgados

O novo RG, também conhecido como Carteira de Identidade Nacional (CIN), está em vigor e pode ser obtido de forma simples e gratuita. O passaporte deverá substituir importantes documentos de identificação dos cidadãos brasileiros. Veja mais detalhes.

Novo RG tem data e como fazer agendamento para emissão divulgados
Novo RG tem data e como fazer agendamento para emissão divulgados. Imagem: FDR

A partir de 2022, esta nova documentação já poderia ser emitida. Agora, a procura pelo novo RG está cada vez maior. A Carteira de Identidade Nacional vai substituir aos poucos o conhecido RG. Desta forma, os brasileiros terão apenas um documento de identificação nacional.

Para obter o novo RG em três passos simples, basta:

  • Localizar o portal responsável pela emissão em seu estado;
  • Reunir a documentação necessária;
  • Enviar a solicitação online, podendo agendar a retirada ou entrega a domicílio.

Proposta do novo RG

  1. Padronização: O documento terá uma estética única em todo o país;
  2. Versão digital: Além de ser emitido em versão física, o documento contará com uma cópia digital no portal Gov.br;
  3. QR Code: Todas as informações do novo RG poderão ser acessadas com a leitura de QR Code;
  4. Inclusão de novas informações: Além dos dados pessoais, o novo RG contará com informações como grupo sanguíneo, cadastros de doadores de órgãos, nome social e mais;
  5. Identificação estadual: O novo documento deve conter o nome do Estado responsável pela emissão e do órgão onde foi emitido o RG.

Confira mais detalhes sobre o novo RG

  • O uso do CPF como documento principal foi instituído como forma de evitar fraudes;
  • Por ter um número único em todo o país, ele dificulta que o cidadão cometa irregularidades;
  • Anteriormente, o cidadão contava com a possibilidade de ter até um número por RG por estado, o que dificultava o trabalho da Polícia;
  • O novo RG também traz importantes modificações, incluindo a reunião de outros dados no documento;
  • Caso deseje, o cidadão poderá incluir o título de eleitor, tipo sanguíneo e número da CNH;
  • Para emitir o RG em seu novo formato, o cidadão deve procurar o órgão responsável pelo documento em seu estado.

Vittoria Fialho
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já esteve como repórter no Diario de Pernambuco e no Portal NE45 Minutos. Nos veículos, fez parte das editorias de redes sociais e esportes. Também acumula experiência na assessoria de imprensa do Clube Náutico Capibaribe. Suas redes sociais são: @vtfialho e [email protected].