INSS vai antecipar o 13 salário dos idosos? Veja a organização do calendário

Já se tornou uma prática comum a antecipação do 13º salário pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). Como o pagamento não aconteceu no final do ano, agora os aposentados e pensionistas ficam na expectativa de que o valor seja concedido ainda no primeiro semestre de 2024. 

INSS vai antecipar o 13 salário dos idosos? Veja a organização do calendário
INSS vai antecipar o 13 salário dos idosos? Veja a organização do calendário (Imagem: FDR)

O calendário de pagamentos do INSS para este ano já foi divulgado. Dentro dele há os meses em que haverão a liberação do 13º salário para os aposentados e pensionistas. Pelo menos 39 milhões de pessoas serão beneficiadas por pagamentos previdenciários neste ano de 2024.

Quem vai receber o 13º salário do INSS?

O pagamento de 13º salário do INSS deve beneficiar todos aqueles que receberam salário previdenciário no último ano. O que incluí benefícios temporários, além dos permanentes, como:

  • Auxílio-doença;
  • Salário maternidade;
  • Auxílio-reclusão;
  • Aposentadoria;
  • Pensão por morte.

Não recebem 13º os benefícios assistenciais, como o BPC (Benefício de Prestação Continuada) e o salário família.

13º do INSS vai ser antecipado em 2024?

Ainda não há informações oficiais confirmando a antecipação do 13º salário do INSS neste ano. Isso porque, será preciso a publicação de um decreto assinado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) autorizando o adiantamento.

Na pandemia as parcelas foram adiantadas para maio e junho, ou seja, tudo pago dentro do primeiro semestre do ano. Em 2023 o presidente Lula autorizou o adiantamento, mas neste ano ainda não falou sobre o assunto.

Calendário do 13º salário do INSS antecipado

Caso se confirme a antecipação e o pagamento ocorra entre maio e junho, o calendário do 13º salário do INSS já está disponível. A primeira parcela é de 50% do benefício, enquanto o segundo depósito pode contar com desconto do Imposto de Renda.

1ª parcela – depósito em maio

Para quem ganha um salário mínimo

  • Final 1: 24 de maio;
  • Final 2: 27 de maio;
  • Final 3: 28 de maio;
  • Final 4: 29 de maio;
  • Final 5: 31 de maio;
  • Final 6: 3 de junho;
  • Final 7: 4 de junho;
  • Final 8: 5 de junho;
  • Final 9: 6 de junho;
  • Final 0: 7 de junho.

Para quem ganha acima do mínimo

  • Final 1 e 6: 3 de junho;
  • Final 2 e 7: 4 de junho;
  • Final 3 e 8: 5 de junho;
  • Final 4 e 9: 6 de junho;
  • Final 5 e 0: 7 de junho.

2ª parcela – depósito em junho

Para quem ganha até um salário mínimo

  • Final 1: 24 de junho;
  • Final 2: 25 de junho;
  • Final 3: 26 de junho;
  • Final 4: 27 de junho;
  • Final 5: 28 de junho;
  • Final 6: 1 de julho;
  • Final 7: 2 de julho;
  • Final 8: 3 de julho;
  • Final 9: 4 de julho;
  • Final 0: 5 de julho.

Para quem ganha acima do salário mínimo:

  • Final 1 e 6: 1 de julho;
  • Final 2 e 7: 2 de julho;
  • Final 3 e 8: 3 de julho;
  • Final 4 e 9: 4 de julho;
  • Final 5 e 0: 5 de julho.

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]